Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, terça-feira, 08 de maio de 2018.

Jornal do Comércio

JC Contabilidade

COMENTAR | CORRIGIR

Fisco

Notícia da edição impressa de 09/05/2018. Alterada em 08/05 às 16h03min

Nota Fiscal Gaúcha contempla 42 entidades de proteção animal

A iniciativa repassou, no primeiro trimestre, cerca de R$ 1,4 milhão

A iniciativa repassou, no primeiro trimestre, cerca de R$ 1,4 milhão


/JONATHAN HECKLER/JC
Os primeiros R$ 250 mil que serão repassados pelo programa NFG (Nota Fiscal Gaúcha) para área de proteção animal beneficiam 42 entidades. O rateio do valor obedece à pontuação que cada entidade alcançou no primeiro trimestre deste ano, a partir das indicações dos cidadãos cadastrados no programa.
Responsável por mais seis mil novas adesões de pessoas participando da NFG desde que surgiu a novidade, a ONG Bicho de Rua, que atua em Porto Alegre, liderou o rateio dos recursos neste período e receberá R$ 14 mil.
Ao longo de 2018, o governo do Estado destinou R$ 1 milhão como apoio financeiro às entidades que atuam na causa animal. A Secretaria da Fazenda está programada para que este primeiro montante seja repassado a entidades na segunda quinzena de junho.
A inclusão da nova modalidade voltada à causa animal, no entanto, não trouxe prejuízos nos repasses para as demais áreas. Apenas neste primeiro trimestre, será pouco mais de R$ 1,4 milhão para cada segmento de atuação (saúde, assistência social e educação), contemplando perto de 1,8 mil instituições. Desde sua criação, a NFG já distribui mais de R$ 175 milhões em apoio financeiro para as entidades cadastradas.
Com a participação de mais de 1,5 milhão de pessoas, a NFG gera pontos que são acumulados sempre que o consumidor solicitar a inclusão do seu CPF no documento fiscal. O pedido deve ser feito no momento da compra em estabelecimentos participantes. Além de concorrer a prêmios em dinheiro a cada mês e de auxiliar entidades, a NFG gera ainda descontos de 2% a 5% no IPVA. Para se cadastrar, basta acessar no site www.nfg.rs.gov.br
 
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia