Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, sexta-feira, 19 de maio de 2017. Atualizado às 18h31.

Jornal do Comércio

Gastronomia e Vinhos 2017

COMENTAR | CORRIGIR

VINÍCOLAS

Notícia da edição impressa de 19/05/2017. Alterada em 19/05 às 18h38min

Safra de qualidade projeta ano positivo da Salton

Vinícola produz alguns dos vinhos mais premiados em todo o Brasil

Vinícola produz alguns dos vinhos mais premiados em todo o Brasil


CARLOS BEN/DIVULGAÇÃO/JC
A Salton encerrou o ano atípico de 2016 com um faturamento de R$ 377 milhões, o que representa um crescimento financeiro de 11,5% em comparação a 2015. Houve um registro de queda de 11% no volume de vendas de fermentados (vinhos e espumantes) e um incremento de 5,2% na linha de destilados. Outro ponto positivo do ano que passou foi a presença no mercado externo. As vendas aumentaram 130% em relação a 2015, com destaque para a preferência internacional pelos vinhos, que representaram 65% do volume de exportação, seguidos pelos espumantes, com 25% das vendas, e os destilados e sucos de uva, 10%.
"Apesar de termos enfrentado um ano difícil, devido à quebra da safra em 60%, o que reduziu os estoques, tivemos uma boa performance, ainda mais considerando o sucesso dos lançamentos e a ampliação de portfólio. A partir do nosso planejamento estratégico, foi possível manter o crescimento e o resultado esperado", ressalta o presidente Daniel Salton. "É importante ressaltar que o nosso foco é a qualidade, e não grandes volumes, justamente por trabalharmos com os produtos premium e de valor agregado no mercado externo. Em cinco anos, projetamos que a exportação chegue a representar 5% do nosso faturamento", lembra o presidente.
Para 2017, a previsão da Salton é de um crescimento global de 12,38% em comparação ao ano passado. "Acreditamos que será um ano mais positivo, pois esperamos uma reação da economia e não aguardamos mudanças nos impostos, uma vez que as alíquotas já estão firmadas. Tudo indica que teremos uma safra de qualidade, que também vai nos permitir retomar a produção de produtos que entraram em ruptura em 2016, como os brancos da linha Salton Classic, os sucos de uva e os filtrados", projeta Daniel.
A estratégia da empresa é seguir com os lançamentos que surpreenderam no volume de vendas, como as vodcas e os chás com suco de uva (Grape Tea), uma inovação mundial, em quatro sabores. A intenção da empresa é também investir em novas safras de produtos e algumas ampliações de linhas. Além disso, haverá investimento, principalmente, nos vinhedos próprios em Santana do Livramento, na região da Campanha, com o plantio de nove novos hectares.
A Salton completou, em agosto do ano passado, 106 anos de tradição inovando no mercado. A empresa possui uma unidade no distrito de Tuiuty, em Bento Gonçalves (RS), referência na elaboração de espumantes e frisantes no mercado nacional e responsável por alguns dos vinhos mais premiados do País. As outras duas unidades estão localizadas em Jarinu (SP), planta-piloto para aplicação de tecnologia de ponta e responsável pelo desenvolvimento dos produtos destilados como o Conhaque Presidente - com importante presença no portfólio da empresa, cujo resultado do faturamento deu suporte aos investimentos necessários para a evolução da vinícola -; e em Livramento.
Durante o inverno, a Vinícola programou um tour especial, com vinhos Merlot e cremes quentes. Tudo na imponente estrutura de Bento Gonçalves, no Vale do Rio das Antas. Durante o passeio, os visitantes poderão conhecer os vinhedos, o processo de elaboração e atrativos como a Galeria dos 100 anos, a Cave das Bordalesas, o labirinto da Cave da Evolução.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia