Porto Alegre, sábado, 26 de julho de 2014. Atualizado às 23h03.
Hoje é Dia dos Avós.
PREVISÃO DO TEMPO
PORTO ALEGRE AMANHÃ
AGORA
7°C
15°C
3°C
previsão do tempo
COTAÇÃO DO DÓLAR
em R$ Compra Venda Variação
Comercial 2,2250 2,2270 0,27%
Turismo/SP 2,1300 2,3400 0,84%
Paralelo/SP 2,1400 2,3400 1,26%
mais indicadores
Página Inicial | Opinião | Economia | Política | Geral / Internacional | Esportes | Cadernos | Colunas
ASSINE  |  ANUNCIE
» Corrigir
Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.
Nome:
Email:
Mensagem:
» Indique esta matéria
[FECHAR]
Para enviar essa página a um amigo(a), preencha os campos abaixo:
De:
Email:
Amigo:
Email:
Mensagem:
 
» Comente esta notícia
[FECHAR]  
  Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.  
  Nome:  
  Email:    
  Cidade:    
  Comentário:    
500 caracteres restantes
 
Autorizo a publicação deste comentário na edição impressa.
 
185985
Repita o código
neste campo
 
 
COMENTAR CORRIGIR ENVIAR imprimir IMPRIMIR
Conexão Política Adão Oliveira
adaooliveira@hotmail.com

Conexão Política

Coluna publicada em 28/09/2009

Dureza

O presidente Lula “endureceu” com Roberto Micheletti, presidente interino de Honduras, que deu um prazo de 10 dias para que o Brasil defina o status de Manuel Zelaya, presidente do país deposto recentemente e que é hóspede da embaixada do Brasil, em Tegucigalpa. Lula disse que o Brasil não aceita “ultimato de um governo golpista”. Para Lula o deposto líder hondurenho é “o presidente legítimo de Honduras” e que seu status é “hóspede da Embaixada do Brasil” em Tegucigalpa. “Zelaya foi expulso do poder da maneira mais vergonhosa possível”. “Para mim, a solução é simples: os golpistas devem sair do palácio presidencial”, afirmou o presidente brasileiro, acrescentando que “Zelaya deve retornar ao poder e convocar eleições”.

Reforma eleitoral

O Congresso aprovou recentemente a reforma eleitoral, mas o presidente Lula deve vetar dois itens. O projeto será levado hoje para Lula que receberá as sugestões de excluir as possibilidades de voto em trânsito e impresso. O primeiro tema leva em consideração o tempo de operacionalidade do processo, enquanto que o segundo se torna dispensável pelo fato de as eleições brasileiras serem realizadas com urnas eletrônicas. A reforma aprovada pelo Legislativo tem como principal novidade o uso da internet no processo do próximo ano.

Prêmio Político

Hoje, às 19h, no Teatro Dante Barone, haverá a entrega do Prêmio Springer Carrier-ARI por Um Rio Grande Maior 2009, concedido pela Associação Riograndense de Imprensa (ARI) e patrocinado pela Springer Carrier, com o apoio do Parlamento gaúcho. O presidente da Assembleia Legislativa, Ivar Pavan (PT), e os deputados Nelson Marchezan Jr (PSDB) e Carlos Gomes (PPS).

Impeachment

Amanhã, na Assembléia Legislativa, ocorrer a instalação da Comissão Especial do Impeachment. A Comissão Especial que tratará da denúncia por crime de responsabilidade contra a governadora Yeda Crusius, composta por 29 parlamentares, será instalada às 12h. A base aliada conta com 17 votos. A oposição, com 12.

Pequeno orçamento

Enquanto o ministro Carlos Minc, do Meio Ambiente, garante que vai “falar grosso” na Conferencia sobre Mudanças Climáticas, em dezembro, em Copenhague, acaba de engolir um contingenciamento de mais de 40% no orçamento de seu ministério para o ano que vem. No orçamento, eram R$ 3,5 bilhões, que acabam de encolher R$ 1,5 bilhão (43%). Os R$ 2 bilhões restantes ficam assim divididos: R$ 1,1 bilhão para pagamento de pessoal e encargos sociais; R$ 828,6 milhões para despesas correntes e apenas R$ 86 milhões para investimento.

Mulheres

O marqueteiro João Santana, que já trabalhou na campanha de reeleição de Lula, está dedicando seu tempo a um capítulo que merecerá dedicação-extra na campanha de Dilma Rousseff: como conseguir cativar as eleitoras brasileiras. O cruzamento de todas as pesquisas feitas até agora, revela que mais homens declaram sua intenção de votar nela do que mulheres. E isso, independente de regiões. Santana quer encontrar um tom de amiga e confidente para a ministra tentar conquistar mais saias.

Maldade

A frase é atribuída a Ricardo Berzoini, presidente nacional do PT, numa confidência depois das últimas pesquisas de opinião pública: “A nossa Dilma tem cara de madrasta e a Marina Silva tem cara de mãe”. No Nordeste não se pensa assim. Lá já foi publicada uma literatura de cordel. Um dos versos mostra a boa vontade do povo nordestino com a candidata de Lula: “Eu já vi um deputado/ Dizendo no Cariri/ Que Dilma é linda e charmosa/ Igual não existe aqui/ E é capaz de ser mais bela/ Que Angelina Jolie”.

COMENTÁRIOS
Deixe seu comentário sobre este texto.

DEIXE SEU COMENTÁRIO CORRIGIR ENVIAR imprimir IMPRIMIR
COLUNAS ANTERIORES

 EDIÇÃO IMPRESSA

Clique aqui
para ler a edição
do dia e as edições
dos últimos
5 anos do JC.


 
para folhear | modo texto