Porto Alegre, sexta-feira, 24 de outubro de 2014. Atualizado às 22h38.
Hoje é Dia das Nações Unidas - ONU.
PREVISÃO DO TEMPO
PORTO ALEGRE AMANHÃ
AGORA
17°C
29°C
18°C
previsão do tempo
COTAÇÃO DO DÓLAR
em R$ Compra Venda Variação
Comercial 2,5100 2,5130 1,29%
Turismo/SP 2,3800 2,6800 0,37%
Paralelo/SP 2,3900 2,6900 0,74%
mais indicadores
Página Inicial | Opinião | Economia | Política | Geral / Internacional | Esportes | Cadernos | Colunas
ASSINE  |  ANUNCIE  |  ATENDIMENTO ONLINE
» Corrigir
Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.
Nome:
Email:
Mensagem:
» Indique esta matéria
[FECHAR]
Para enviar essa página a um amigo(a), preencha os campos abaixo:
De:
Email:
Amigo:
Email:
Mensagem:
 
» Comente esta notícia
[FECHAR]  
  Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.  
  Nome:  
  Email:    
  Cidade:    
  Comentário:    
500 caracteres restantes
 
Autorizo a publicação deste comentário na edição impressa.
 
129766
Repita o código
neste campo
 
 
COMENTAR CORRIGIR ENVIAR imprimir IMPRIMIR
Conexão Política Adão Oliveira
adaooliveira@hotmail.com

Conexão Política

Coluna publicada em 15/09/2010

Cenários

O Rio Grande do Sul tem 8.112.236 eleitores. De acordo com a última pesquisa, realizada pelo Instituto DataFolha, entre os dias 8 e 10 de setembro, Tarso Genro (PT) tem 42% do eleitorado.

Desconsiderando-se os 12% de indecisos e 3% de votos brancos e nulos, Tarso Genro possui 51,2% dos votos válidos, algo em torno de 3,4 milhões de eleitores.

Da totalidade do eleitorado, também com base na última pesquisa, Fogaça tem 2,1 milhões de votos, ou seja, 26%. Levando-se em conta apenas os votos válidos, esse percentual chega 31,7%.

A tucana Yeda Crusius apresenta índice de 13% de intenções de voto - pouco mais de 1 milhão de eleitores. Contando apenas os votos válidos, significa que a atual governadora teria 15,8%.

Os outros candidatos atingiram índices iguais ou menores que 1%. Portanto, considerando a margem de erro que é de 3% para mais ou para menos, o candidato petista teria entre 54,2% e 48,2% dos votos válidos, o que lhe garantiria a possibilidade de uma de vitória já no primeiro turno.

Para isso, basta Tarso Genro confirmar a conquista da maioria simples dos votos válidos (50% + 1 voto). As favas ainda não estão completamente contadas, mas já apontam tendências favoráveis ao candidato petista.

O fiel da balança, este ano, será Yeda Crusius. Sua votação, somada ao número de indecisos, poderá afastar ou não a possibilidade de segundo turno.

Já no cenário nacional, o quadro está mais bem definido. Dilma Rousseff (PT) tem 64 % dos votos válidos de acordo com a Vox Populi.

Isso significa que para chegar ao segundo turno a oposição precisa tirar 14 milhões de votos de Dilma diretamente.
Considerando o dia de hoje, isso significa tirar diariamente de Dilma cerca de 1 milhão de votos.

Mensalão

O ex-deputado federal José Janene (PP), 55 anos, morreu na madrugada de ontem no Hospital do Coração de São Paulo. Janene estava internado desde 4 de agosto com cardiopatia grava. Ele era apontado como tesoureiro do PP no escândalo do mensalão, denunciado por Roberto Jefferson, do PTB.

Empacado

O prefeito José Fortunati (PDT) não acertou sua previsão de que o projeto de lei do Estudo de Impacto de Vizinhança (EIV) seria apreciado na Câmara Municipal junto aos vetos à revisão do Plano Diretor de Porto Alegre. O documento ainda não voltou à pauta do Conselho do Plano Diretor, que se reuniu ontem. O tema está na pauta do conselho desde janeiro de 2008. Será que sai?

COMENTÁRIOS
Angela de Abreu Rodrigues - 19/09/2010 - 12h00
Bom dia. Acho que na eleição para o governo do estado o que mais pesa no caso de Yeda é o seu péssimo governo, recheado de denúncias de corrupção,espionageme todos os requintes de ladroagem e maracutaias como nunca antes se viu. Bem, o pior de tudo é a cara de vítima que a sujeita faz, como se tudo não passasse de um complô armado pelo PSOL,pois entrou na justiça contra a deputada Luciana Genro, que sempre usou a tribuna da Cãmara Federal para denunciar a roubalheira do governo dela. E a defesa do Berfran, aquele mesmo sujeito que foi vice da Manuela na eleição para a prefeitura? Coitado, se puxando para defender a cara de pau da injustiçada perseguida pela oposição, defendendo algo que não tem defesa, pois lugar de ladrão é na cadeia. Abaixo a IMPUNIDADE PARLAMENTAR dessa gente. Um bom domingo a todos.

DEIXE SEU COMENTÁRIO CORRIGIR ENVIAR imprimir IMPRIMIR
COLUNAS ANTERIORES
Perda de um amigo e jornalista exemplar PTB versus PSB
O governador Tarso Genro (PT) teve baixas ao longo do seu governo. Dois partidos que integraram sua base aliada deixaram de apoiá-lo: PSB e PDT
O recado do “guardião”
Após longo impasse, comissões aprovaram relatório do senador Luiz Henrique sobre o projeto de lei que estabelece novo indexador para as dívidas dos estados com a União
Cristãos novos do PDT
Depois de 20 anos, o PDT volta a ter reais chances de vencer uma disputa majoritária estadual

 EDIÇÃO IMPRESSA

Clique aqui
para ler a edição
do dia e as edições
dos últimos
5 anos do JC.


 
para folhear | modo texto