Porto Alegre, terça-feira, 21 de outubro de 2014. Atualizado às 09h42.
Hoje é Dia do Contato Publicitário.
PREVISÃO DO TEMPO
PORTO ALEGRE AMANHÃ
AGORA
18°C
26°C
14°C
previsão do tempo
COTAÇÃO DO DÓLAR
em R$ Compra Venda Variação
Comercial 2,4620 2,4640 1,35%
Turismo/SP 2,3300 2,6200 0,38%
Paralelo/SP 2,3400 2,6300 0,76%
mais indicadores
Página Inicial | Opinião | Economia | Política | Geral / Internacional | Esportes | Cadernos | Colunas
ASSINE  |  ANUNCIE  |  ATENDIMENTO ONLINE
» Corrigir
Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.
Nome:
Email:
Mensagem:
» Indique esta matéria
[FECHAR]
Para enviar essa página a um amigo(a), preencha os campos abaixo:
De:
Email:
Amigo:
Email:
Mensagem:
 
» Comente esta notícia
[FECHAR]  
  Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.  
  Nome:  
  Email:    
  Cidade:    
  Comentário:    
500 caracteres restantes
 
Autorizo a publicação deste comentário na edição impressa.
 
105227
Repita o código
neste campo
 
 
COMENTAR CORRIGIR ENVIAR imprimir IMPRIMIR
De Olho na tevê Carlos Pires de Miranda
carlos@piresdemiranda.com.br

De Olho na tevê

Coluna publicada em 10/03/2010

Pato nas alturas

Abbondanzieri fez uma boa defesa domingo, foi firme em outras bolas, mas sua estreia será mesmo amanhã. Na altitude de Quito – e quem jogou no gol sabe como a bola é mais rápida e traiçoeira nessas circunstâncias –, com um time motivado pela frente, imagina-se que a exigência será maior e finalmente poderemos avaliar o atual potencial do experiente goleiro. O time, este terá a chance de mostrar que é injusto o pessimismo de parte da torcida em relação à Libertadores. Continuo achando que os candidatos ao título estão mesmo no Brasil.

Déjà vu

É sempre o mesmo cardápio: vira, mexe e a caçarola chega à mesa com Grêmio ou Inter – quando não chegam os dois – mais algum coadjuvante, destinado a ser heroico no jogo decisivo, quase complicar a vida do grande adversário e finalmente entregar-se, coberto de glória por ter perdido de pouco. Mal começa o segundo turno e tudo já se encaminha para o menu habitual: confirmaram-se as goleadas aqui previstas quarta-feira, contra os times de Santa Cruz. Sábado e domingo os mistos de Inter e Grêmio venceram. Agora, toda a emoção se resume a esperar que São José e Novo Hamburgo se aguentem mais um pouco na liderança.

Dependente

O Inter acordou a tempo de resgatar Walter de seu refúgio e ajudá-lo como devia, com tolerância e adequada punição. Bem mais grave é o caso de Adriano, dependente do álcool, do convívio com a miserável comunidade onde viveu e do envolvimento com os traficantes locais. Além de ajuda especializada, ele precisa de menos hipocrisia. Vendia-se a história do menino pobre que perdeu o pai, sentia saudade da favela, reagia fazendo gols e era premiado com convocações à seleção. Agora temos um marmanjo beberrão, que sai no tapa com sua noiva e suplica a traficantes para, se necessário, amarrá-la a uma árvore enquanto ele dançava funk.

Empolgante

Este ano está mais difícil surgir alguma surpresa como foi a Brawn- GP em 2009. Felipe Massa na Ferrari aparece bem mais forte do que Rubinho na Williams e será o principal foco de nossa torcida na Fórmula 1. Os outros dois brasileiros – Bruno Senna e Lucas Di Grassi – prometem apenas ser bons coadjuvantes, em um espetáculo que terá como grande atração a volta de Michael Schumacher em uma equipe competitiva, a Mercedes. Sem falar em Hamilton, Alonso, Button, Vettel e outros talentos.

Comodismo

A propósito de Fórmula 1: no Bahrein a corrida começa às 9h, mas depois disso somente em 9 de maio esse horário irá se repetir. Antes teremos longas madrugadas pela frente: os GPs de Austrália, Malásia e China terão largadas às 4h ou 5h. Quanto à Indy, que começa (domingo, 13h, na Band) pelas ruas de São Paulo, pensei em assistir à corrida. Ontem, os ingressos disponíveis custavam entre R$ 250,00 e R$ 500,00, hotel estava difícil, voo também. Larguei, vejo na tevê.

Pitacos

• Hoje (Globo, 21h50min), colorados secam o Corinthians em Bogotá, contra o Independiente.

• Ingresso mais barato em El Campin custa R$ 8,00. Com Ronaldo Fenômeno em campo.

• Aos gremistas cabe secarem o Santos na Copa do Brasil (Band, 21h50min) contra o Naviraiense (MS).

• Secar ajuda, mas, se Grêmio e Inter não fizerem sua parte em campo, nada adianta.

• Goleiro Bruno querendo defender Adriano: “Quem nunca saiu no tapa com uma mulher?” Patrícia Amorim recriminou: “Ele tem mãe, irmã. E eu sou mulher e presido o clube dele”.

COMENTÁRIOS
Deixe seu comentário sobre este texto.

DEIXE SEU COMENTÁRIO CORRIGIR ENVIAR imprimir IMPRIMIR
COLUNAS ANTERIORES
Um Brasil reabilitado
Há tempos não se via uma seleção japonesa tão ingênua como essa que levou merecidos 4 a 0 ontem
Altos e baixos
A surpreendente recuperação gremista empacou frente ao São Paulo, uma equipe forte, ainda que sem seu técnico Muricy
Obrigado, Grêmio
Após uma longa série invicta de jogos, oito deles sem tomar gol, os gremistas aplaudem entusiasticamente seu treinador
Centímetro a centímetro
A Chapecoense parece doidinha para frequentar a zona de rebaixamento

 EDIÇÃO IMPRESSA

Clique aqui
para ler a edição
do dia e as edições
dos últimos
5 anos do JC.


 
para folhear | modo texto