Porto Alegre, segunda-feira, 16 de outubro de 2017.
PREVISÃO DO TEMPO
PORTO ALEGRE AMANHÃ
AGORA
15°C
32°C
22°C
previsão do tempo
COTAÇÃO DO DÓLAR
em R$ Compra Venda Variação
Comercial 3,1720 3,1740 0,76%
Turismo/SP 3,1400 3,3000 1,22%
Paralelo/SP 3,1400 3,3000 1,22%
mais indicadores
Página Inicial | Opinião | Economia | Política | Geral / Internacional | Esportes | Cadernos | Colunas
ASSINE  |  ANUNCIE  | 
» Corrigir
Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.
Nome:
Email:
Mensagem:
190050
Repita o código
neste campo
 
» Indique esta matéria
[FECHAR]
Para enviar essa página a um amigo(a), preencha os campos abaixo:
De:
Email:
Amigo:
Email:
Mensagem:
190050
Repita o código
neste campo
 
 
» Comente esta notícia
[FECHAR]  
  Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.  
  Nome:  
  Email:    
  Cidade:    
  Comentário:    
500 caracteres restantes
 
Autorizo a publicação deste comentário na edição impressa.
 
190050
Repita o código
neste campo
 
 
imprimir IMPRIMIR

INFRAESTRUTURA Notícia da edição impressa de 16/09/2015

Nova pista da Freeway fica pronta em novembro

Ampliação, que abrange 19 quilômetros, deve melhorar o fluxo de veículos no trecho mais movimentado da rodovia

Jefferson Klein, de Brasília

JOÃO MATTOS/JC
Quarta faixa vai da Arena do Grêmio até praça de pedágio de Gravataí
Quarta faixa vai da Arena do Grêmio até praça de pedágio de Gravataí

Em breve, a Concepa terminará a faixa adicional (a quarta) da Freeway. O trabalho se iniciou em maio de 2014 e a estimativa é que seja completado até o final de novembro deste ano. A ampliação abrange 19 quilômetros, com o fechamento do canteiro central, entre as cercanias da Arena do Grêmio até a praça de pedágio localizada em Gravataí. Com a medida, será adicionada uma faixa em cada sentido da via. Atualmente, cerca de 95% das obras foram realizadas.

A projeção foi feita ontem pelo gerente de engenharia e operações da Concepa, Fábio Hirsch, durante o 9º CBR&C - Congresso Brasileiro de Rodovias & Concessões e da 9ª Brasvias - Exposição Internacional de Produtos para Rodovias, evento que termina hoje em Brasília. Hirsch ressalta que a iniciativa melhorará o fluxo no trecho da freeway mais movimentado, que chega a registrar de 100 mil a 110 mil veículos diariamente.

O investimento no empreendimento foi de cerca de R$ 160 milhões e estão atuando no projeto entre 400 a 450 pessoas. As ações, no momento, estão focadas em duas frentes dedicadas à pavimentação asfáltica. Uma delas encontra-se entre Gravataí e a avenida Assis Brasil, em Porto Alegre, e outra está próxima ao pedágio, ambas no sentido Litoral-Capital.

Hirsch enfatiza que os motoristas que trafegam pela via já são beneficiados com a obra entre o estádio gremista e a avenida Assis Brasil. O representante da Concepa revela que quando a Freeway tinha apenas três faixas, na proximidade dessa avenida, registrava-se retenção diária de veículos que se estendia por oito a 10 quilômetros, e, hoje, o número caiu para, no máximo, dois quilômetros.

Sobre a expectativa de movimentação para esse verão, Hirsch diz que a Concepa está revendo as estimativas, devido à crise econômica, e logo deverá apresentar essa projeção. Quanto ao reajuste do pedágio, que acontecerá no dia 26 de outubro, o gerente de engenharia e operações explica que o valor que será definido levará em conta fatores como o IPCA e o reequilíbrio da isenção do pagamento dos eixos suspensos dos caminhões, determinada pela Lei dos Caminhoneiros.

COMENTÁRIOS
Nenhum comentário encontrado.

imprimir IMPRIMIR
TEXTOS RELACIONADOS
Expectativa é movimentar mais de 34 milhões de toneladas neste ano
Porto do Rio Grande sente pouco os efeitos da crise
Licitação foi autorizada, disse Westphalen
Edital para dragagem do canal do Sangradouro sai em setembro
Muniz prevê que concessão de mais 6,5 mil quilômetros em dois anos
Concessões de rodovias devem ter R$ 55 bilhões
Trajeto irá de Coquimbo, localizado no Norte chileno, até Porto Alegre, passando pela Argentina
Chile avança na ideia do Corredor Bioceânico

 EDIÇÃO IMPRESSA

Clique aqui
para ler a edição
do dia e acessar
o arquivo do JC.


 
para folhear | modo texto