Porto Alegre, segunda-feira, 22 de setembro de 2014. Atualizado às 19h15.
Hoje é Dia do Contador. Hoje é Dia Mundial sem Carro.
PREVISÃO DO TEMPO
PORTO ALEGRE AMANHÃ
AGORA
20°C
27°C
18°C
previsão do tempo
COTAÇÃO DO DÓLAR
em R$ Compra Venda Variação
Comercial 2,3920 2,3940 0,88%
Turismo/SP 2,2300 2,5500 0,79%
Paralelo/SP 2,2400 2,5600 0,78%
mais indicadores
Página Inicial | Opinião | Economia | Política | Geral / Internacional | Esportes | Cadernos | Colunas
ASSINE  |  ANUNCIE  |  ATENDIMENTO ONLINE
» Corrigir
Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.
Nome:
Email:
Mensagem:
» Indique esta matéria
[FECHAR]
Para enviar essa página a um amigo(a), preencha os campos abaixo:
De:
Email:
Amigo:
Email:
Mensagem:
 
» Comente esta notícia
[FECHAR]  
  Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.  
  Nome:  
  Email:    
  Cidade:    
  Comentário:    
500 caracteres restantes
 
Autorizo a publicação deste comentário na edição impressa.
 
213843
Repita o código
neste campo
 
 
COMENTAR CORRIGIR ENVIAR imprimir IMPRIMIR

TRABALHO Notícia da edição impressa de 17/12/2012

Descontos reduzem segunda parcela do décimo-terceiro salário

As empresas têm até quinta-feira para pagar a segunda parcela do décimo-terceiro salário deste ano a seus empregados. A multa pelo atraso ou falta de pagamento é de R$ 170,25 por empregado prejudicado. O valor dessa parcela será menor do que o da primeira, paga até 30 de novembro. É que a segunda parcela terá os descontos da contribuição ao INSS e do Imposto de Renda, se for o caso. 

O desconto da contribuição ao INSS depende do valor do salário, podendo ser de 8%, 9% ou 11%. O desconto máximo é de R$ 430,78 (11% sobre R$ 3.916,20, que é o teto do salário de contribuição). O desconto do IR na fonte só é feito quando a renda líquida mensal tributável for superior a R$ 1.637,11. Para chegar à renda tributável são permitidos os abatimentos de dependentes (R$ 164,56 para cada um); da contribuição ao INSS; do valor da pensão alimentícia paga pelo contribuinte (se for o caso); e de R$ 1.637,11 no caso do aposentado que já completou 65 anos. 

A tributação do Imposto de Renda sobre o décimo-terceiro é feita exclusivamente na fonte, ou seja, o cálculo é feito separadamente do salário de dezembro. Na declaração anual de renda, a ser entregue até abril, há um campo específico para o contribuinte informar o valor do décimo-terceiro salário. 

COMENTÁRIOS
Deixe seu comentário sobre este texto.

DEIXE SEU COMENTÁRIO CORRIGIR ENVIAR imprimir IMPRIMIR
TEXTOS RELACIONADOS
Desemprego cai para 4% em 2013 na Região Sul do País
A taxa de desemprego subiu em quase todas as regiões do País, porém a Região Sul ficou imune, passando de 4,2% para 4,0% em 2013
Alta na taxa de desemprego é pontual, diz IBGE
A alta na taxa nacional de desemprego, medida anualmente pela Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios, deve ser vista como algo pontual e localizado na Região Norte
Formalização cresceu no mercado de trabalho, diz IBGE
Em 2012, tinha havido uma estagnação, com 64,1%
TST condena empresa do Grupo Embratel por ‘controle gestacional’
O juízo considerou o episódio do e-mail "extremamente inadequado", e entendeu que houve afronta à liberdade das empregadas

 EDIÇÃO IMPRESSA

Clique aqui
para ler a edição
do dia e as edições
dos últimos
5 anos do JC.


 
para folhear | modo texto