Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, domingo, 13 de maio de 2018.

Jornal do Comércio

Colunas

COMENTAR | CORRIGIR
Osni Machado

Empresários & Cia

Notícia da edição impressa de 14/05/2018. Alterada em 11/05 às 18h56min

Imed projeta expansão do Campus Porto Alegre

A meta da instituição é ter 10 mil estudantes em formação até 2022

A meta da instituição é ter 10 mil estudantes em formação até 2022


/IMED/DIVULGAÇÃO/JC
A Imed, instituição de educação de Ensino Superior, prepara expansão do Campus Porto Alegre e lança novos cursos de graduação. Hoje, com mais de 86% de mestres e doutores, convênios internacionais e pesquisas de relevância acadêmica e empresarial, a Imed, completa 14 anos de fundação e oito de instalação em Porto Alegre.
Atualmente, conta com dois campi, um em Passo Fundo e outro na Capital, possui 263 professores, 143 funcionários e atende cinco mil alunos. São 13 cursos de graduação, seis programas de mestrado e mais de 60 cursos de especialização.
Eduardo Capellari, diretor-geral da Imed explica que em 2017, foi aberto o campus no bairro Mont'Serrat, em Porto Alegre, a partir de uma investimento de R$ 12 milhões e agora já tem planos de expansão de suas instalações. Segundo ele, o local atinge sua capacidade máxima de atendimento de mil estudantes até o final de 2018. O valor, porém, do novo investimento deverá ser divulgado só no segundo semestre deste ano.
Explica que a Imed tem programas de ensino, que são voltados à excelência acadêmica e ao empreendedorismo, possibilitando que os estudantes tenham acesso às melhores oportunidade de carreia. "Somos uma instituição com foco no mercado. Queremos formar uma nova geração de líderes com ensino e pesquisa de excelência", afirma o diretor-geral.
Capellari diz que a meta é ter 10 mil estudantes em formação até 2022 nos dois campi. "E estar em Porto Alegre é garantir um alinhamento da Imed com a realidade de mercado local; deste modo, a instituição se coloca como uma plataforma de construção do conhecimento e para mobilização de ideias a respeito do futuro econômico do Rio Grande do Sul e do País. A Imed caminha rumo à transformação em universidade", destaca.
O diretor-geral acrescenta que o objetivo para Porto Alegre é consolidar os cursos em andamento, oferecendo uma estrutura contemporânea, ajustada a linha de atuação da instituição e ampliando a oferta de serviços à comunidade, como os atendimentos na clínica odontológica já disponíveis.
Capellari lembra que durante mais de 30 anos, Porto Alegre teve só dois cursos de Odontologia em funcionamento. "A Imed veio para oxigenar o ensino na área, com equipamentos, infraestrutura e tecnologia de ponta", acrescenta.
No vestibular de inverno serão oferecidas 40 vagas para odontologia Porto Alegre. Neste vestibular de inverno que será aplicado no dia 9 de junho, a Imed campus Porto Alegre oferece 350 vagas para os cursos de Arquitetura e Urbanismo e Engenharia Civil (recentemente liberados para a unidade), além dos que já estão em andamento que são Psicologia, Odontologia e Direito. Metade das vagas podem ser acessadas com a nota do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) e a outra parte com a realização da prova do vestibular.
 
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia