Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, sábado, 14 de abril de 2018.

Jornal do Comércio

Internacional

COMENTAR | CORRIGIR

Relações Internacionais

Alterada em 14/04 às 08h58min

Ministro das Relações Exteriores da França ameaça novos ataques contra Síria

O ministro das Relações Exteriores da França ameaçou novos ataques com mísseis contra a Síria se o governo sírio usar armas químicas novamente. A França juntou-se aos Estados Unidos e à Grã-Bretanha em uma operação conjunta realizada na noite dessa sexta (13) e que, segundo Jean-Yves Le Drian, resultou na destruição de "boa parte" do arsenal de armas químicas do governo sírio.
O ministro disse que a França "não tem dúvidas" de que o governo sírio estava por trás de supostos ataques químicos realizados no fim de semana passado. A Síria nega a responsabilidade. Le Drian disse à emissora de televisão BFM que o objetivo da missão aliada "foi alcançado", mas se a "linha vermelha for cruzada novamente", pode haver outro ataque.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia