Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, sexta-feira, 13 de abril de 2018.

Jornal do Comércio

Esportes

COMENTAR | CORRIGIR

campeonato brasileiro

Alterada em 13/04 às 19h33min

Pottker é testado como centroavante e vira arma contra seca no Inter

Pottker colta a ser opção como ponta de lança no ataque do Internacional

Pottker colta a ser opção como ponta de lança no ataque do Internacional


RICARDO DUARTE/INTER/DIVULGAÇÃO/JC
Folhapress
William Pottker foi testado em uma nova posição no Internacional. Voltando de lesão, o jogador que habitualmente atuava aberto pela direita entrou como centroavante diante do Vitória, na última quarta-feira. E o deslocamento para o centro pode ser a salvação para a seca de gols dos atacantes do Internacional.
Os números deixam clara a baixa efetividade dos atacantes do Inter. Dos 27 gols marcados pela equipe na temporada, apenas 11 foram marcados por homens de frente. Menos da metade.
Roger, de saída do clube, marcou dois, ambos no mesmo jogo, contra o Avenida, em 27 de janeiro. Leandro Damião está lesionado desde 21 fevereiro e marcou apenas uma vez no ano.
Nico López, que atua ora no ataque, ora no meio-campo, marcou três. E William Pottker, mesmo afastado desde 15 de fevereiro por lesão, manteve-se como artilheiro do time com cinco gols, mesmo atuando sempre aberto pela direita, e não como centroavante.
A entrada de Pottker centralizado não durou o tempo todo. Quando Odair Hellmann colocou Brenner na vaga de Fabiano, puxou Edenílson para lateral, centralizou D'Alessandro, abriu Pottker, e Brenner assumiu o comando de ataque. Mas nos minutos que a experiência durou, o ex-atleta da Ponte Preta quase fez um gol em uma infiltração pela direita de ataque.
"(Pottker como centroavante) É uma possibilidade. Já tinha isso em mente, ele te dá essa característica, muda o pivô para infiltração. É uma possibilidade que temos, quando necessário, possível, posso usar ele por dentro também. É uma opção a mais que temos com ele por dentro", disse o treinador do Inter.
O Internacional estreia no Campeonato Brasileiro, neste domingo, diante do Bahia, no Beira-Rio.
Internacional x Bahia
Marcelo Lomba; Fabiano, Rodrigo Moledo, Victor Cuesta e Iago; Rodrigo Dourado, Edenilson, Patrick, D'Alesssandro e Rossi; Pottker. Técnico: Odair Hellmann.
Douglas Friedrich; Nino Paraíba, Tiago, Douglas Grolli e Léo; Gregore, Elton, Vinícius, Marco Antônio e Zé Rafael; Edigar Junio. Técnica: Guto Ferreira.
Árbitro: Eduardo Tomaz de Aquino Valadão (GO)
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia