Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, domingo, 04 de março de 2018.

Jornal do Comércio

Esportes

COMENTAR | CORRIGIR

Campeonato Gaúcho

Notícia da edição impressa de 05/03/2018. Alterada em 04/03 às 21h02min

Grêmio tem vitória para encaminhar a vaga nas quartas de final

Madson celebra o gol em sua melhor partida com a camisa gremista

Madson celebra o gol em sua melhor partida com a camisa gremista


RODRIGO RODRIGUES/GRÊMIO FBPA/DIVULGAÇÃO/JC
A vitória era fundamental se o Grêmio tinha alguma pretensão de se classificar à próxima fase do Campeonato Gaúcho. Assim, mesmo não fazendo uma apresentação de luxo, o Tricolor cumpriu sua missão na tarde de ontem, em Caxias do Sul, ao bater o Juventude por 2 a 0, com gols de Jael e Madson.
O primeiro tempo foi de muita aplicação tática e poucas emoções no estádio Alfredo Jaconi. Sem contar com seu principal homem de criatividade - Luan foi poupado -, o Grêmio fez uso repetitivo da ligação direta ao ataque por meio de seus defensores buscando Jael, que iniciou o jogo no ataque.
O Juventude, por sua vez, deu campo para os visitantes e tentou chegar à frente nos contra-ataques. Com muitos desarmes e disputas corpo a corpo, os goleiros apenas assistiram à etapa inicial.
O destaque ficou por conta do lateral-direito Madson, que fez sua melhor apresentação com a camiseta gremista. O jogador foi seguidamente à linha de fundo e, em três ocasiões, cruzou procurando Jael, que não aproveitou.
A única chance da etapa inicial foi aos 40 minutos. Madson cruzou, Jael escorou e, pela esquerda da área, Everton finalizou por sobre o gol de Matheus Cavichioli.
Mal o segundo tempo havia iniciado, e o placar já marcava 1 a 0 para o Grêmio. Logo no primeiro minuto, Micael recuou para Cavichioli. O goleiro do time da Serra dominou e tentou driblar Jael. O centroavante tricolor roubou a bola em mandou para o gol vazio.
Depois disso, os donos da casa se perderam em campo, e os visitantes tomaram conta da partida. Aos 19, Cavichioli se reabilitou ao evitar o segundo gol gremista após chute de Everton. Aos 25, porém, o goleiro nada pôde fazer para evitar o 2 a 0. Maicon achou Ramiro pela linha de fundo direita. O volante colocou rasteiro na área, e Madson chegou chutando de primeira para as redes.
O time de Renato Portaluppi tratou de administrar a vantagem e não se arriscou muito mais ao ataque. Já o Juventude não demonstrou força e qualidade para ameaçar a defesa gremista. Com a vitória, o Grêmio termina pela primeira vez uma rodada na zona de classificação para as quartas de final do Gauchão.
Juventude 0 x 2 Grêmio
Matheus Cavichioli; Vidal (Ricardo Jesus), Fred, Micael e Matheus Santana; Amaral, Bruninho (Denner), Sananduva e Felipe Matheus; Caprini (Jô) e Guilherme Queiróz. Técnico: Julinho Camargo
Marcelo Grohe; Madson, Pedro Geromel, Kannemann e Cortez; Maicon (Michel), Jaílson, Ramiro, Cícero e Everton; Jael (Hernane). Técnico: Renato Portaluppi.
Árbitro: Fernando Rapallini (ARG).

Comitiva chega a Barcelona para vender Arthur

O CEO do Grêmio, Carlos Amodeu, e o advogado Gabriel Vieira estão desde ontem em Barcelona. Nos próximos dias, a comitiva tricolor vai analisar os contratos de venda de Arthur. A negociação está fechada desde a última semana, resta vencer o trâmite burocrático. O plano do clube gaúcho é observar garantias e contratos com cuidado para fazer a venda exatamente nos moldes que pretende.
Os representantes do Grêmio encontrarão hoje a direção do Barcelona em uma reunião definitiva sobre o acordo. Pela venda de 60% dos direitos do atleta, o Grêmio receberá ¤ 30 milhões de
(R$ 120 milhões) em três parcelas. O montante pode crescer mais
¤ 10 milhões (R$ 40 milhões), dependendo do número de participações de Arthur pelo Barça e de sua primeira renovação de contrato. Por lá, o meio-campista de 21 anos vai assinar vínculo de cinco temporadas.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia