Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quarta-feira, 07 de março de 2018.

Jornal do Comércio

Economia

COMENTAR | CORRIGIR

Ensino Superior

Alterada em 07/03 às 10h34min

Cade aprova compra da Veritas Educacional pela Cruzeiro do Sul

O Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) aprovou sem restrições a operação de compra de 100% do capital social total e votante da Veritas Educacional pela Cruzeiro do Sul Educacional. O despacho com a decisão está publicado no Diário Oficial da União (DOU). A Veritas é uma holding que pertence ao Fundo de Investimento em Participações FIP Veritas, um dos veículos de investimento do Grupo Advent.
A Veritas atua no mercado de ensino superior presencial nos municípios gaúchos de Bento Gonçalves, Cachoeirinha e Caxias do Sul e de ensino superior e cursos livres a distância no Brasil. Já a Cruzeiro do Sul atua no mercado privado de ensino básico (infantil, fundamental e médio) e superior em determinados municípios do Estado de São Paulo, além de possuir atividades em Brasília. Também atua no mercado de Ensino Superior a Distância (EAD) e cursos livres no País.
O Cade também aprovou sem restrições a aquisição, pela Somos Operações Escolares, de 51% do capital social do Centro de Educação Integrada (CEI), atualmente detidos por pessoas físicas. O CEI é o mantenedor do Colégio CEI, que presta serviços de educação básica no Rio Grande do Norte e conta, atualmente, com cerca de 2.050 matrículas. A Somos é uma holding integrante do Grupo Tarpon, subsidiária integral da Editora Ática, que atua como prestadora de serviços educacionais.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia