Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, terça-feira, 06 de fevereiro de 2018.

Jornal do Comércio

Esportes

CORRIGIR

Copa do Brasil

Alterada em 06/02 às 23h49min

Botafogo leva virada da Aparecidense e é eliminado na 1ª fase da Copa do Brasil

O Botafogo está eliminado da Copa do Brasil. O time carioca caiu logo na primeira fase ao perder para a Aparecidense, de virada, pelo placar de 2 a 1, em partida realizada nesta terça-feira (6), no estádio Anibal Batista de Toledo, em Aparecida de Goiânia (GO). É o primeiro grande clube do Campeonato Brasileiro a tombar na competição.
Com seus principais jogadores e um esquema com três zagueiros, o Botafogo começou bem o duelo, mas caiu de produção e abusou dos chutões. O time da casa aproveitou das fraquezas do rival, somado com a expulsão do atacante Rodrigo Pimpão, para classificar. Na próxima fase, a Aparecidense enfrentará o Cuiabá.
O Botafogo precisou de apenas seis minutos para provar o favoritismo. João Paulo acionou Rodrigo Pimpão em velocidade. O atacante apareceu no meio dos zagueiros e tocou por cobertura para abrir o placar.
Após o gol, o jogo foi um show de lances perdidos pelo time carioca, que poderia ter liquidado a fatura. Aos 36 minutos, Brenner cruzou para Rodrigo Pimpão, que soltou a bomba por cima do gol. Luiz Fernando também tentou, duas vezes, mas sem sucesso.
No segundo tempo, a Aparecidense se encontrou na partida e deixou tudo igual logo aos dois minutos. Everton cruzou, a defesa botafoguense parou e a bola ficou com Nonato. O veterano cabeceou para o fundo das redes.
O time carioca sentiu o gol e dava cada vez mais espaço para o adversário, que pressionou. Aos poucos, porém, o Botafogo foi equilibrando as ações e voltou a atacar. Rodrigo Pimpão foi cruzar, a bola ganhou curva e quase enganou o goleiro Busatto, que fez a defesa.
A situação do Botafogo se complicou aos 38 minutos, quando Rodrigo Pimpão foi expulso por reclamação. No lance seguinte, como em um castigo, Gustavo Ramos recebeu dentro da área e marcou, de cabeça, o gol da virada da Aparecidense.
CORRIGIR
Seja o primeiro a comentar esta notícia