Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quarta-feira, 14 de fevereiro de 2018.

Jornal do Comércio

Economia

COMENTAR | CORRIGIR

Tecnologia

14/02/2018 - 15h10min. Alterada em 14/02 às 15h13min

Uber nos EUA determina descanso a motoristas após 12 horas de trabalho

Uma nova atualização do aplicativo, válida apenas para os Estados Unidos, vai restringir jornada

Uma nova atualização do aplicativo, válida apenas para os Estados Unidos, vai restringir jornada


PATRÍCIA COMUNELLO /ESPECIAL/JC
Folhapress
O diretor de gerenciamento do Uber, Sachin Kansal, disse ao jornal The Washington Post que os motoristas do aplicativo não poderão mais fazer jornadas além de 12 horas diárias. "Precisamos manter nossos motoristas e usuários seguros", afirmou Kansal. 
Uma nova atualização do aplicativo, válida apenas para os Estados Unidos, por enquanto, vai limitar a jornada. Os motoristas receberão avisos quando o período de 12h se aproximar. O primeiro será quando alcançarem 10h seguidas, outro com 11h e o último faltando 30 minutos. 
A nova regra começará a vigorar até o final deste mês. A reportagem fez contato com a assessoria de imprensa do Uber no Brasil, mas não obteve resposta, até o momento, se essa regra será adotada no país.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia