Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, terça-feira, 06 de fevereiro de 2018.

Jornal do Comércio

Economia

COMENTAR | CORRIGIR

Aviação

Notícia da edição impressa de 07/02/2018. Alterada em 06/02 às 22h45min

Gol encerra voo Porto Alegre-Florianópolis

Companhia aumentou a frequência para Curitiba e São Paulo

Companhia aumentou a frequência para Curitiba e São Paulo


/MARCELO G. RIBEIRO/JC
Thiago Copetti
A partir do dia 24 de março, ficará um pouco mais complicado acessar Florianópolis por via aérea. A ponte entre Porto Alegre e a capital catarinense perde uma alternativa no final do próximo mês com o término dos voos diretos da Gol entre as duas cidades.
De acordo com a empresa, a malha aérea da companhia "é dinâmica e constantemente revisada para melhor atender à demanda de seus clientes e movimentos do mercado", e por isso deixará de oferecer passagens entre as duas capitais sem a necessidade de escalas a partir do final de março.
Um voo sem escala entre Porto Alegre e a capital catarinense dura menos de uma hora. Já um voo partindo do aeroporto Salgado Filho com destino ao aeroporto Hercílio Luz, em Santa Catarina, com escala em São Paulo poderá ter duração de quase cinco horas. Vale lembrar que a viagem de ônibus, por exemplo, dura cerca de seis horas.
A Gol afirma, porém, que, alinhada com a mudança, aumentou a frequência de voos para Curitiba (PR), para onde há mais demanda, e colocou mais um voo diário entre São Paulo e a capital gaúcha. Já Florianópolis recebe mais um voo diário para São Paulo e outro para a cidade do Rio de Janeiro.
Com o fim da operação de voos diretos da Gol entre as duas capitais, essa opção, que já chegou a ser oferecida também pela Latam até o ano de 2013, ficará restrita às operações da Azul. A companhia opera hoje com cerca de quatro saídas diárias entre as duas cidades, partindo de Porto Alegre pelo Terminal 2 (o antigo aeroporto), com média de 80% de ocupação, de acordo com a assessoria de imprensa.
A redução nas opções tende a elevar os preços. Uma simples busca em sites de pesquisa de passagens aéreas, como o Google Flights, mostra que os valores devem ficar mais salgados. Um voo entre Porto Alegre e Florianópolis, que, até a terceira semana de março, girava em torno de R$ 260,00 para embarque no dia 22, avança para mais de R$ 400,00 uma semana depois.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia