Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quarta-feira, 10 de janeiro de 2018.

Jornal do Comércio

Geral

COMENTAR | CORRIGIR

Carnaval

Notícia da edição impressa de 11/01/2018. Alterada em 10/01 às 21h09min

Desfiles de Porto Alegre são adiados para o fim de março

Souza (c), da Liespa, diz que não faltará disposição para manter o evento

Souza (c), da Liespa, diz que não faltará disposição para manter o evento


/LUIZA PRADO/JC
Suzy Scarton
Os tradicionais desfiles das escolas de samba do Carnaval de Porto Alegre serão celebrados mais tarde neste ano. A possibilidade de a comemoração ocorrer nos dias 23 e 24 de fevereiro foi aventada, mas, em coletiva de imprensa ontem, a Liga Independente das Escolas de Samba de Porto Alegre (Liespa) anunciou a data oficial do evento na Capital: 23 e 24 de março, no Complexo Cultural do Porto Seco. A Série Prata desfilará na sexta-feira, e a Ouro, no sábado. A apuração será feita no dia 26 de março.
A realização dos desfiles está praticamente garantida, graças ao Projeto de Lei do Executivo (PLE) nº 025/2017, que permite a utilização do Porto Seco às entidades representativas das agremiações carnavalescas e autoriza o Executivo a conceder a exploração do local para fins de implantação das estruturas permanentes do Carnaval. A permissionária poderá realizar eventos no local pelo prazo de um ano, prorrogável uma única vez. Uma das emendas determina que, até este ano, o município fique responsável pela execução dos serviços públicos necessários à realização dos desfiles. O PLE ainda não foi sancionado pelo prefeito Nelson Marchezan Júnior, que está em férias, mas, de acordo com o vereador João Bosco Vaz (PDT), deve ser aprovado pelo vice-prefeito Gustavo Paim nos próximos dias.
O presidente da Liespa, Juarez Gutierres de Souza, explicou que uma empresa parceira assumirá o orçamento da festa, estimado em cerca de R$ 2 milhões, em troca do uso do local. No entanto, a liga prefere esperar que o PLE seja aprovado para divulgar o nome da empresa. Mesmo assim, Souza lamenta a falta de interesse do município em arcar com as despesas do Carnaval, algo que era feito em parte até a gestão do ex-prefeito José Fortunati. "O que nos deixa triste é não ter um poder público que reconheça a legitimidade do evento. É lamentável. Mas, de nossa parte, não faltará disposição para manter os desfiles", garantiu.
Representantes de agremiações carnavalescas se mostraram preocupados com a falta de repasses, uma vez que a Liespa e a União das Entidades Carnavalescas do Grupo de Acesso de Porto Alegre
(Uecgapa) não deram garantia de que haverá verba a ser repassada às escolas. Também há preocupação quanto à estrutura do Porto Seco, que está, no momento, sem energia elétrica. O presidente da Liespa garantiu que, em até dez dias, essa situação estará solucionada.
A Liespa também divulgou o cronograma completo dos eventos que antecedem o Carnaval. Já na semana que vem, ocorre a escolha do Rei Momo, da Princesa e da Rainha do Carnaval 2018, nos dias 15, 16 e 17. Também haverá escolha do Rei Momo, da Princesa e da Rainha da Maturidade do Carnaval, ainda sem data definida. A mostra dos sambas-enredo, que ocorre na quadra da Imperatriz Dona Leopoldina, está marcada para os dias 26 e 27 de janeiro. Já o sorteio da ordem dos desfiles será realizado no dia 2 de fevereiro. Para os dias 23 de fevereiro e 9 de março, estão marcadas as duas descidas da avenida Borges de Medeiros. O ensaio técnico, conhecido como muamba, será no dia 22 de março.
Para evitar possíveis restrições - no ano passado, o desfile da Série Prata teve de ser remarcado, porque o Porto Seco foi interditado -, os representantes da Liespa e da Uecgapa farão uma reunião com o comando do Corpo de Bombeiros. "Desta vez, será discutida a estrutura das avenidas, dos barracões e das quadras", explica Souza. A liga também está trabalhando para garantir que as escolas da Série Bronze possam desfilar, nos dias 23 e 24, um pouco antes dos desfiles das séries Ouro e Prata.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia