Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, segunda-feira, 08 de janeiro de 2018.

Jornal do Comércio

Cultura

COMENTAR | CORRIGIR

cinema

08/01/2018 - 08h53min. Alterada em 08/01 às 08h56min

'Big Little Lies' e 'The Handmaid's Tale' se destacam no Globo de Ouro

A minissérie Big Little Lies, que tinha seis indicações em quatro categorias, levou quatro troféus

A minissérie Big Little Lies, que tinha seis indicações em quatro categorias, levou quatro troféus


Frederic J. BROWN/AFP/JC
Folhapress
Depois de se destacar no Emmy, as obras para TV Big Little Lies e The Handmaid's voltaram a roubar a cena. Levaram prêmios nas principais categorias do Globo de Ouro, cuja cerimônia foi realizada neste domingo (7).
As escolhas refletem um momento bastante específico, marcado pelo protagonismo de figuras femininas em histórias de violência e opressão. Mas não só. Também houve a manifestação em massa de atrizes de Hollywood contra a opressão e os casos de assédio sexual revelados no segundo semestre do ano passado. Todas elas compareceram à cerimônia vestidas de preto.
A minissérie Big Little Lies, que tinha seis indicações em quatro categorias, levou quatro troféus: melhor minissérie, melhor atriz (para Nicole Kidman), melhor atriz coadjuvante (para Laura Dern) e melhor ator (Alexander Skarsgard). A obra tem como centro um grupo de mães cheias de preocupações com suas crianças e também perturbadas por situações de violência e opressão.
Kidman disputava o troféu de melhor atriz inclusive com Reese Witherspoon, com quem dividiu protagonismo na obra. Dern fez um discurso comovido, dirigido principalmente às mães americanas. "Precisamos mostrar às nossas crianças que elas podem contar a verdade sem medo de retaliações". A referência era sua própria personagem, que, na série, tem uma filha que sofre bullying.
Na categoria melhor atriz de série dramática, o Globo de Ouro repetiu a opção do Emmy, e deu o segundo troféu para Elizabeth Moss, por sua atuação em The Handmaid's Tale, que também venceu como melhor série. Trata-se de histórias sobre criadas que passam por situações de violência extrema, totalmente privadas de seus direitos como cidadãs, em um futuro distópico.
Na categoria melhor ator de série dramática, venceu Sterling K. Brown, de This is Us. Também foi anunciado o prêmio para Rachel Brosnahan (melhor atriz de série cômica, em The Marvelous Mrs. Maisel). Master of None perdeu na categoria melhor série cômica para The Marvelous Mrs. Maisel, mas seu ator-protagonista, Aziz Ansari, levou o troféu de melhor ator no gênero.

Os indicados e vencedores do Globo de Ouro

CINEMA
- Melhor filme (drama)
  • Dunkirk
  • A Forma da Água
  • Me Chame pelo Seu Nome
  • The Post
  • Três Anúncios para um Crime
- Melhor ator (drama)
  • Daniel Day-Lewis (Trama Fantasma)
  • Denzel Washington (Roman J. Israel, Esq.)
  • Gary Oldman (O Destino de uma Nação)
  • Timothée Chalamet (Me Chame pelo Seu Nome)
  • Tom Hanks (The Post)
- Melhor atriz (drama)
  • Frances McDormand (Três Anúncios para um Crime) -VENCEU
  • Jessica Chainstain (A Grande Jogada)
  • Meryl Streep (The Post)
  • Michelle Williams (All the Money in the World)
  • Sally Hawkins (Á Forma da Água)
- Melhor filme (comédia)
  • Corra!
  • Lady Bird"
  • Eu, Tonya
  • O Rei do Show
  • O Artista do Desastre
- Melhor ator (comédia)
  • Ansel Elgort (Em Ritmo de Fuga)
  • Daniel Kaluuya (Corra!)
  • Hugh Jackman (O Rei do Show)
  • James Franco (O Artista do Desastre)
  • Steve Carell (A Batalha dos Sexos)
- Melhor atriz (comédia)
  • Helen Mirren (The Leisure Seeker)
  • Saoirse Ronan (Lady Bird)
  • Margot Robbie (Eu, Tonya)
  • Emma Stone (A Batalha dos Sexos)
  • Judi Dench (Victoria e Abdul)
- Melhor diretor
  • Christopher Nolan (Dunkirk)
  • Guillermo del Toro (A Forma da Água)
  • Martin McDonagh (Três Anúncios para um Crime)
  • Ridley Scott (All the Money in the World)
  • Steven Spielberg (The Post)
- Melhor roteiro
  • A Forma da Água
  • A Grande Jogada
  • Lady Bird
  • The Post
  • Três Anúncios para um Crime
- Melhor ator coadjuvante
  • Armie Hammer (Me Chame pelo Seu Nome)
  • Christopher Plummer (All the Money in the World)
  • Richard Jenkins (A Forma da Água)
  • Sam Rockwell (Três Anúncios para um Crime)
  • Willem Dafoe (Projeto Flórida)
- Melhor atriz coadjuvante
  • Allison Janney (Eu, Tonya)
  • Mary J Blige (Mudbound)
  • Hong Chau (Pequena Grande Vida)
  • Laurie Metcalf (Lady Bird)
  • Octavia Spencer (A Forma da Água)
- Melhor filme estrangeiro
  • Uma Mulher Fantástica, de Sebastián Lelio (Chile)
  • First They Killed My Father, de Angelina Jolie (Camboja)
  • Em Pedaços, de Fatih Akin (Alemanha)
  • Loveless, de Andrey Zvyagintsev (Rússia)
  • The Square, de Ruben Ostlund (Suécia)
- Melhor animação
  • Com Amor, Van Gogh
  • O Poderoso Chefinho
  • Viva: A Vida É uma Festa"
  • The Breadwinner
  • Touro Ferdinando
- Melhor trilha sonora
  • A Forma da Água
  • Dunkirk
  • The Post
  • Trama Fantasma
  • Três Anúncios para um Crime
- Melhor canção
  • Home (Touro Ferdinando)
  • Mighty River (Mudbound)
  • Remember Me (Viva: A Vida É uma Festa)
  • The Star (A Estrela de Belém)
  • This Is Me (O Rei do Show)
EM TV
- Melhor série (drama)
  • Game of Thrones
  • Stranger Things
  • The Crown
  • The Handmaid's Tale
  • This is Us
- Melhor ator (drama)
  • Jason Bateman (Ozark)
  • Sterling K. Brown (This Is Us)
  • Freddie Highmore (The Good Doctor)
  • Bob Odenkirk (Better Call Saul)
  • Liev Schreiber (Ray Donovan)
- Melhor atriz (drama)
  • Caitriona Balfe (Outlander)
  • Claire Fox (The Crown)
  • Elisabeth Moss (The Handmaid's Tale)
  • Katherine Langford (13 Reasons Why)
  • Maggie Gyllenahall (The Deuce)
- Melhor série (comédia)
  • Black-ish
  • The Marvelous Mrs. Maisel
  • Master of None
  • Smilf
  • Will & Grace
- Melhor ator (comédia)
  • Anthony Anderson (Black-ish)
  • Aziz Ansari (Master of None)
  • Kevin Bacon (I Love Dick)
  • William H. Macy (Shameless)
  • Erik McCormack (Will & Grace)
- Melhor atriz (comédia)
  • Pamela Adlon (Better Things)
  • Alison Brie (Glow)
  • Rachel Brosnahan (The Marvelous Mrs. Maisel)
  • Issa Rae (Insecure)
  • Frankie Shaw (Smilf)
- Melhor minissérie ou telefilme
  • Big Little Lies
  • Fargo
  • Feud: Bette and Joan
  • The Sinner
  • Top of the Lake: China Girl
- Melhor ator em minissérie ou telefilme
  • Robert De Niro (The Wizard of Lies)
  • Jude Law (O Jovem Papa)
  • Kyle MacLachlan (Twin Peaks)
  • Ewan McGregor ("Fargo")
  • Geoffrey Rush (Genius)
- Melhor atriz em minissérie ou telefilme
  • Jessica Biel (The Sinner)
  • Nicole Kidman (Big Little Lies)
  • Jessica Lange (Feud: Bette and Joan)
  • Susan Sarandon (Feud: Bette and Joan)
  • Reese Witherspoon (Big Little Lies)
- Melhor ator coadjuvante
  • Alfred Molina (Feud: Bette and Joan)
  • Alexander Skarsgard (Big Little Lies)
  • David Thewlis (Fargo)
  • David Harbour (Stranger Things)
  • Christian Slater (Mr. Robot)
- Melhor atriz coadjuvante
  • Laura Dern (Big Little Lies)
  • Ann Dowd (The Handmaid's Tale)
  • Chrissy Metz (This Is Us)
  • Michelle Pfeiffer (The Wizard of Lies)
  • Shailene Woodley (Big Little Lies)
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia