Porto Alegre, sexta-feira, 29 de dezembro de 2017.

Jornal do Comércio

Galeria de imagens

Venezuelanos protestam contra Maduro por falta de pernil

Milhares de venezuelanos foram às ruas de Caracas e de outros dez estados para protestar contra a falta de produtos básicos e para cobrar a promessa feita pelo presidente Nicolás Maduro de vender carne de porco subsidiada para as festas de fim de ano. A quantidade do produto foi insuficiente para toda a população, que, frustrada, foi às ruas para protestar, no que foi apelidado nas redes sociais de "revolta do pernil". Maduro reagiu e justificou-se acusando Portugal de sabotar a importação do pernil após a Venezuela ter feito um plano de importação e acertado os pagamentos. Em resposta, o governo português negou que seja responsável por impedir a compra.
 

FOTO FEDERICO PARRA/ AFP/JC