Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, terça-feira, 05 de dezembro de 2017.

Jornal do Comércio

Esportes

COMENTAR | CORRIGIR

mundial de clubes

Alterada em 05/12 às 20h36min

Geromel treina no Grêmio e Portaluppi garante zagueiro na estreia do Mundial

Portaluppi orienta jogadores do Grêmio em treinamento na Arena

Portaluppi orienta jogadores do Grêmio em treinamento na Arena


LUCAS UEBEL/GRÊMIO FBPA/DIVULGAÇÃO/JC
Não passou de um susto a lesão sofrida por Pedro Geromel na decisão da Libertadores. Recuperado de um problema no ombro, sofrido na semana passada na vitória por 2 a 1 sobre o Lanús, na Argentina, o zagueiro treinou normalmente nesta terça-feira e se mostrou apto a atuar pelo Grêmio na estreia do Mundial de Clubes.
Geromel chegou a ser colocado como dúvida pelo departamento médico do Grêmio após a Libertadores. Mas o jogador não apresentou qualquer limitação no treino desta terça, realizado na Arena e aberto à imprensa, e inclusive foi confirmado por Renato Portaluppi no confronto contra Pachuca ou Wydad Casablanca. "O Geromel treinou hoje e não tem problema nenhum. Garanto que estará em campo na semifinal", declarou o treinador.
Renato ainda pôde celebrar o retorno de outro jogador. O volante Maicon voltou a trabalhar ao lado dos colegas depois de um longo período afastado por problemas físicos. Em relação a ele, no entanto, o treinador tricolor preferiu ter mais cautela visando a estreia. "O Maicon vem treinando melhor a cada dia, se soltando. Temos uns dias até a estreia, mas precisamos ter calma É importante a presença dele."
Maicon seria uma opção importante para Renato, já que o Grêmio não poderá contar com o titular Arthur, lesionado e já descartado para a competição. Outras duas opções para a posição, Cristian e Cícero também não poderão atuar, mas por determinação da Fifa. Isso porque foram contratados depois do dia 20 de julho, data máxima determinada pela Fifa para que os reforços possam ser incluídos no torneio.
"Não entendi porque a Fifa não deixou inscrever o Cristian e o Cícero. Ao invés de engrandecer ainda mais o torneio, enfraquece", criticou Renato. "A gente só tem desvantagens. Cada vez a gente vai se enfraquecendo mais."
Mesmo com estes jogadores sem condições de atuar no Mundial, Renato garantiu que vai levá-los para Abu Dabi, assim como todo o elenco gremista. "Todos os jogadores vão viajar, por merecimento. Os que não estão inscritos vão viajar, mas não necessariamente amanhã", afirmou.
O treino tático desta terça foi o último do Grêmio antes da viagem para Abu Dabi, que acontecerá na quarta pela manhã. Na quarta-feira seguinte, o time gaúcho enfrenta em Al Ain contra o vencedor de Pachuca xWydad Casablanca, que estreiam neste sábado.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia