Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quarta-feira, 06 de dezembro de 2017.

Jornal do Comércio

Cultura

COMENTAR | CORRIGIR

ACONTECE

Notícia da edição impressa de 07/12/2017. Alterada em 06/12 às 18h44min

Cinemateca Paulo Amorim exibe mostra de cinema soviético

Longa Anna Karenina - História de Vronsky integra 3ª Mostra Mosfilm no Brasil

Longa Anna Karenina - História de Vronsky integra 3ª Mostra Mosfilm no Brasil


MOSFILM/DIVULGAÇÃO/JC
Abre hoje, em Porto Alegre, a 3ª Mostra Mosfilm de Cinema Soviético e Russo. Encabeça a lista dos 11 filmes a serem exibidos o título Anna Karenina - A história de Vronsky (2017, 138 minutos), realizado pelo premiado diretor Karen Shakhnazarov. Lançada em junho deste ano, na Rússia, a nova adaptação do célebre romance de Lev Tolstoi começa na guerra russo-japonesa (1904-1905), reunindo no mesmo lugar os dois homens mais importantes da vida de Anna, seu filho Serguey e seu amante Vronsky. O encontro, que não existe no romance, revive a tragédia ocorrida 30 anos antes.
A mostra de cinema soviético e russo exibirá mais 10 longas-metragens produzidos pelo Mosfilm, o maior e mais antigo estúdio da Europa, com um acervo de 2.500 títulos da era soviética e pós-soviética. Estão na programação obras representativas de vários estilos e épocas, desde os clássicos de Eisenstein, Encouraçado Potemkin (1925) e Outubro (1927), lembrando os 100 anos da Revolução de 1917, até Dersu Uzala (Oscar de Melhor Filme Estrangeiro em 1976), do japonês Akira Kurosawa.
As sessões ocorrem sempre às 19h, até 20 de dezembro, na Cinemateca Paulo Amorim (Andradas, 736). A mostra é uma realização do Centro Popular de Cultura da Umes-SP Filmes com o Estúdio Mosfilm em parceria com a Cinemateca Paulo Amorim. A entrada é franca.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia