Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, domingo, 12 de novembro de 2017.

Jornal do Comércio

Internacional

COMENTAR | CORRIGIR

Iraque

Notícia da edição impressa de 13/11/2017. Alterada em 12/11 às 22h42min

Forças de segurança encontram valas que podem ter até 400 corpos

As forças de segurança iraquianas encontraram valas comuns que podem conter até 400 corpos em uma área retomada recentemente do grupo Estado Islâmico. Corpos de civis e oficiais foram encontrados em uma base abandonada perto de Hawija, cidade do Norte recuperada no início de outubro, disse o governador de Kirkuk, Rakan Saed. Ele não definiu quando as autoridades começarão a exumar os corpos.
Khalaf Luhaibi, um pastor local que conduziu militares até a área, disse que o Estado Islâmico costumava levar presos ao local e atirar ou derramar óleo sobre eles e incendiá-los. A área estava cheia de roupas rasgadas e o que aparentava ser ossos e crânios humanos. Autoridades já descobriram várias valas comuns em outras áreas recentemente liberadas.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia