Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, segunda-feira, 13 de novembro de 2017.

Jornal do Comércio

Esportes

COMENTAR | CORRIGIR

Série B

Notícia da edição impressa de 14/11/2017. Alterada em 13/11 às 21h35min

Inter com mudanças para buscar o acesso

Técnico interino comandará a equipe nos últimos jogos da competição

Técnico interino comandará a equipe nos últimos jogos da competição


/RICARDO DUARTE/INTER/JC
Não dá mais para esperar. Direção, jogadores e torcida não aguentam mais a ansiedade de alcançar matematicamente o acesso à Série A do Campeonato Brasileiro. Nesta terça-feira, às 20h30min, o Inter enfrentará o Oeste, em Barueri, na partida que pode marcar, finalmente, o retorno ao convívio entre os grandes do futebol brasileiro. Com 64 pontos, o Colorado precisa apenas de um empate para garantir o acesso.
Para esta partida, a equipe terá um novo comandante na casamata. Após a demissão de Guto Ferreira, a direção efetivou o auxiliar técnico permanente Odair Hellmann. E pode ser sob o seu comando que o Colorado conquistará a pontuação necessária para confirmar o acesso.
No entanto, o técnico não contará com dois importantes jogadores. D'Alessandro está suspenso pelo terceiro cartão amarelo. Já Leandro Damião, com dores na coxa esquerda, também está fora.
A atividade tática realizada nesta segunda-feira logo de cara já esboçou a formação proposta por Hellmann. William Pottker foi posicionado na vaga de Damião. Já Felipe Gutiérrez entrou no lugar de D'Alessandro. Com isso, Camilo preencheu a vaga deixada por Pottker no lado direito do meio-campo.
A escalação se manteve durante toda a atividade, que foi dividida com exercícios para marcação sob pressão, saída de jogo e bola parada ofensiva e defensiva. O time que deve ir a campo teve Danilo Fernandes; Cláudio Winck, Thales, Léo Ortiz e Uendel; Rodrigo Dourado, Edenilson, Gutiérrez, Camilo e Eduardo Sasha; William Pottker.
Durante o treino de saída de bola, os jogadores foram orientados a trocarem a formação. O 4-1-4-1 deu lugar ao 4-4-2 clássico, com Gutiérrez alinhado a Rodrigo Dourado. Edenilson ficou aberto pela direita e Camilo adiantado, como uma espécie de segundo atacante pelo centro.
 
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia