Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, domingo, 12 de novembro de 2017.

Jornal do Comércio

Esportes

COMENTAR | CORRIGIR

fórmula 1

12/11/2017 - 16h05min. Alterada em 12/11 às 16h07min

Com ultrapassagem na largada, Vettel vence GP Brasil pela 3ª vez; Massa é 7º

Com o resultado, Vettel (c) se torna o quarto piloto com mais vitórias no Brasil

Com o resultado, Vettel (c) se torna o quarto piloto com mais vitórias no Brasil


NELSON ALMEIDA /AFP/JC
Folhapress
O alemão Sebastian Vettel, da Ferrari, conquistou neste domingo (12) a sua terceira vitória na história do GP Brasil de F-1. O piloto, que largou na segunda posição, conseguiu uma ultrapassagem sobre Valtteri Bottas na largada que foi decisiva para o resultado final. O finlandês acabou em segundo, com Kimi Raikkonen em terceiro.
Lewis Hamilton, que havia partido dos boxes, fez ótima prova de recuperação e terminou em quarto depois de uma boa batalha com Raikkonen nas voltas finais.
O brasileiro Felipe Massa acabou na sétima colocação após largar em nono.
Vettel já havia vencido em Interlagos nos anos de 2010 e 2013. Com o resultado, ele se torna o quarto piloto com mais vitórias no Brasil. Fica atrás de Alain Prost (6) e Carlos Reutemann e Michael Schumacher (4).
O resultado também deixa o alemão muito próximo do vice-campeonato mundial. Ele vai a 302 pontos na classificação geral, contra 280 de Bottas. O finlandês pode chegar a no máximo 305 caso vença o GP final, em 26 de novembro em Abu Dhabi (EAU).
O começo da prova foi movimentado. Ainda primeira volta, foram dois acidentes. Na saída do S do Senna, Kevnin Magnussen acertou Stoffel Vandoorne, que acabou acertando Daniel Ricciardo. Pior para o dinamarquês e o belga que tiveram de abandonar. O australiano da Red Bull seguiu na prova.
Na sequência, na saída do Laranjinha, Romain Grosjean perdeu o controle de sua Haas e acertou Esteban Ocon, não permitindo a sequência do francês na prova.
Massa, que havia largado em nono conseguiu assumir a quinta posição logo na relargada após interrupção por safety car.
Quem começou a dar show foi Lewis Hamilton. O britânico que havia largado dos boxes não tomou conhecimento de quem vinha à frente e na 20ª volta já era quinto, após ultrapassar Massa. Com as paradas de todos os adversários a sua frente nos boxes, o tetracampeão mundial seguiu na pista e na 30ª volta assumiu a primeira colocação.
Na 44ª volta, Hamilton teve de fazer sua parada obrigatória. Com isso, Vettel reassumiu a liderança e não a perdeu a mais.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia