Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, domingo, 29 de outubro de 2017.

Jornal do Comércio

Geral

COMENTAR | CORRIGIR

Clima

Notícia da edição impressa de 30/10/2017. Alterada em 29/10 às 21h26min

Tendência é de semana com tempo instável no Rio Grande do Sul

Máxima em Porto Alegre foi de 26,1 graus neste domingo

Máxima em Porto Alegre foi de 26,1 graus neste domingo


FREDY VIEIRA/JC
A semana começa com possibilidade de instabilidade intensa no Rio Grande do Sul. O Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) aponta que a temperatura deve variar entre 10 e 28 graus hoje, e destaca que as condições meteorológicas podem fazer com que chova com trovoadas isoladas em algumas regiões.
Para amanhã, também há previsão de chuva, concentrada nas regiões Nordeste e Leste do Estado. Nas demais regiões, o céu permanece nublado, com aparição ocasional do sol. A temperatura varia entre 8 e 27 graus no Estado. Para quarta e quinta-feira, não há previsão de chuva.
Na Capital, o cenário é parecido. Para hoje, há previsão de pancadas de chuva e trovoadas isoladas. A temperatura varia entre 18 e 26 graus. Amanhã, também pode chover, e não há alteração significativa na temperatura: os termômetros vão oscilar entre 17 e 24 graus. Para quarta e quinta-feira, a previsão é de céu nublado, sem chuva.
Depois de um sábado nublado e chuvoso, o domingo trouxe o sol de volta à Capital, movimentando os parques e as praças da cidade. As temperaturas variaram entre 16,3 e 26,1 graus. Já a temperatura mais baixa do Rio Grande do Sul, de 7,8 graus, foi registrada em São José dos Ausentes, e a mais alta, 29,9, foi sentida em Ibirubá.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia