Zeca Camargo, na Jornada Nacional de Literatura, em Passo Fundo Zeca Camargo, na Jornada Nacional de Literatura, em Passo Fundo Foto: /Mauro Belo Schneider/Especial/JC

Como concilia escrever a biografia de Elza Soares, TV Globo e jornal Folha de S. Paulo?

Zeca Camargo, jornalista e escritor, na Jornada Nacional de Literatura, em Passo Fundo

"Vou devolver a pergunta (risos). O programa que faço hoje é sábado de manhã, ao vivo, o que facilita. A gente acha espaços, como no táxi. Quem trabalha em redação de jornal, que é onde eu comecei a trabalhar, escreve em qualquer lugar. Pois no jornal você escreve no pandemônio, com pessoas aos gritos. Então, eu literalmente escrevo de qualquer lugar. Eu durmo cinco horas por dia e acordo muito cedo, que é quando mais produzo. Às 6h a cabeça está clara, limpa. Não tenho uma rotina, mas adoraria."
Compartilhe
Seja o primeiro a comentar

Publicidade
Newsletter

HISTÓRIAS EMPREENDEDORAS PARA
VOCÊ SE INSPIRAR.

Receba no seu e-mail as notícias do GE!
Faça o seu cadastro.





Mostre seu Negócio