Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, terça-feira, 10 de outubro de 2017. Atualizado às 23h35.

Jornal do Comércio

Colunas

COMENTAR | CORRIGIR
Roberto Brenol Andrade

Frases e Personagens

Notícia da edição impressa de 11/10/2017. Alterada em 10/10 às 19h56min

Frases e personagens

Rubens Ricupero

Rubens Ricupero


FLAVIA DE QUADROS/ARQUIVO/JC
"Não que não exista corrupção em países do tamanho e da complexidade do Brasil, como China, Rússia, África do Sul, Paquistão e Índia. Mas o que choca é este estigma da corrupção, com gente carregando malas com dinheiro, quartos com malas cheias de reais. E a Lava Jato é importante pelo choque que promoveu às instituições. A história do Brasil mostra que viver na incerteza é o nosso normal." Rubens Ricupero, ex-embaixador e ex-ministro da Fazenda.
"Hoje em dia, o Brasil e a América Latina em geral não estão no radar da política externa dos Estados Unidos. Donald Trump está preocupado com a China, com a Coreia do Norte." Também Rubens Ricupero.
"O Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (Bndes) não é babá de empresários." Paulo Rabello de Castro, presidente do Bndes.
"O grupo J&F não teria chegado onde chegou, à posição de maior fornecedor mundial de proteína animal, se o dinheiro do banco não tivesse sido efetivamente utilizado na substância proteína animal. Com certeza, não houve irregularidade." Também Paulo Rabello de Castro.
"Profissionais brasileiros formados no exterior, do programa Mais Médicos, começaram a atuar na atenção básica de 93 municípios do Rio Grande do Sul. Os médicos fazem parte dos cerca de 1.400 brasileiros que aderiram ao último edital do projeto. Com esse reforço, somando também aqueles com diplomas do País, já são 8.316 brasileiros no programa, o que representa 45,6% do total. No Rio Grande do Sul, 1.138 médicos já atuam pelo Mais Médicos." Ricardo Barros, ministro da Saúde.
"Enquanto países de primeiro mundo abrem suas empresas em menos de 8 dias, em Porto Alegre e Caxias do Sul - cidades que ocupam o 7º e o 25º lugares no ranking das 32 cidades mais empreendedoras do Brasil - o tempo médio ultrapassa a média nacional, sendo 82 e 140 dias, respectivamente." Tiago Simon (PMDB), deputado estadual.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia