Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, sexta-feira, 13 de outubro de 2017. Atualizado às 15h46.

Jornal do Comércio

Automotor

COMENTAR | CORRIGIR

Mercado

Notícia da edição impressa de 13/10/2017. Alterada em 13/10 às 15h47min

Suzuki Jimny: bem à vontade na terra, mas também conectado

Na linha 2018, o Jimny agrega elementos que o deixam ainda mais completo

Na linha 2018, o Jimny agrega elementos que o deixam ainda mais completo


TOM PAPP/DIVULGAÇÃO/JC
O Jimny, o jipinho da Suzuki, é o veículo 4x4 mais barato disponível do Brasil, com preços a partir de R$ 68.890,00. Compacto e robusto, o modelo esbanja personalidade e enfrenta os desafios do off road e do trânsito urbano com a mesma desenvoltura.
Na linha 2018, o Jimny agrega elementos que o deixam ainda mais completo. A cabine ganha modernidade, graças à central multimídia com tela de sete polegadas que permite o espelhamento de smartphones com sistemas Android e IOS, além de possibilitar a instalação de acessórios, como câmera de ré e TV digital.
Outra novidade é o painel totalmente reestilizado, com novo grafismo e elementos prateados. O quatro de instrumentos recebeu uma tela digital, dando ainda mais visibilidade e fácil acesso às informações (relógio, hodômetro total e parcial A e B, temperatura do fluido de arrefecimento e volume de combustível no tanque).
O volante de três raios também exibe desenho e diâmetro reformulados, o que proporciona melhor empunhadura e mais praticidade para as manobras. Na versão 4Sport, a direção vem revestida em couro.
O Jimny utiliza motor em alumínio de 1.3 litro e quatro cilindros a gasolina, com 16 válvulas, que rende 85 cv de potência máxima a 6.000 rpm e torque máximo de 109,8 Nm a 4.100 giros. Com comando variável de válvulas, que causa respostas mais rápidas nas acelerações, o propulsor é acoplado a uma transmissão manual de cinco marchas.
O sistema 4x4 do jipe da Suzuki possui roda livre pneumática com caixa de transferência sincronizada e gerenciamento eletrônico. Assim, é possível fazer a mudança de tração traseira para integral (e vice-versa) com apenas um toque no botão localizado no painel, em velocidades de até 100 km/h.
No total, são 15 combinações de marcha: 2WD para uso urbano com tração traseira, 4WD com tração nas quatro rodas e 4WD-L, que dobra o torque e permite enfrentar situações difíceis de off road com tração 4x4 e reduzida.
As suspensões dianteira e traseira são independentes com eixo rígido e molas helicoidais. Os freios a disco na dianteira contam com pinças em posição mais elevada para facilitar a transposição de trechos alagados. A altura livre do solo do veículo é de 200 milímetros, com ângulo de entrada de 35 graus e de saída de 45 graus, parâmetros que viabilizam superar terrenos acidentados e obstáculos íngremes.
O Jimny é fabricado no Brasil desde 2012. Desde a versão de entrada, a 4Work, oferece, de série, ar-condicionado; direção hidráulica; vidros elétricos; e sistema de áudio com rádio AM/FM, CD player, entrada USB e conexão bluetooth.
 {'nm_midia_inter_thumb1':'http://jcrs.uol.com.br/_midias/jpg/2017/10/12/206x137/1_automotor-1654288.jpg', 'id_midia_tipo':'2', 'id_tetag_galer':'', 'id_midia':'59dff370c7b04', 'cd_midia':1654288, 'ds_midia_link': 'http://jcrs.uol.com.br/_midias/jpg/2017/10/12/automotor-1654288.jpg', 'ds_midia': 'Preços Suzuki', 'ds_midia_credi': 'arte/JC', 'ds_midia_titlo': 'Preços Suzuki', 'cd_tetag': '1', 'cd_midia_w': '246', 'cd_midia_h': '185', 'align': 'Left'}
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia