Sílvia Sebben, atua na área de vendas do Google em Nova Iorque Sílvia Sebben, atua na área de vendas do Google em Nova Iorque Foto: /PATRICIA COMUNELLO/ESPECIAL/JC

Como foi trabalhar no Google, nos Estados Unidos?

Sílvia Sebben, atua na área de vendas do Google em Nova Iorque

"Me inscrevi para o estágio do Google há seis anos, não fui selecionada, mas mantiveram meu currículo no banco de dados. Um dia, do nada, me ligaram para uma vaga em São Paulo. Fiquei lá por quase quatro anos e me candidatei para vir aos Estados Unidos. Tive a sorte de conseguir. Trabalho num escritório com 5 mil funcionários, minha equipe de vendas tem sete pessoas e sou a única brasileira e estrangeira. Minha dica: saiba que, às vezes, é mais fácil começar a trabalhar em empresa internacional no Brasil, para depois se transferir, devido à burocracia. Além disso, mantenha o inglês na ponta da língua, principal ponto na transferência. Aproveite também para fazer atividades extracurriculares na faculdade e na área voluntária, valorizada nos Estados Unidos."
Compartilhe
Seja o primeiro a comentar

Publicidade
Newsletter

HISTÓRIAS EMPREENDEDORAS PARA
VOCÊ SE INSPIRAR.

Receba no seu e-mail as notícias do GE!
Faça o seu cadastro.





Mostre seu Negócio