Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quinta-feira, 14 de setembro de 2017. Atualizado às 08h23.

Jornal do Comércio

Vídeos JC

COMENTAR

Da Redação


Cadeia gaúcha de painel fotovoltaico cobra incentivos

Publicado em 11/09/2017 - 18h33min.

As instalações de painéis de energia fotovoltaica no Rio Grande do Sul podem triplicar até o fim de 2017, saindo de mil sistemas para 3 mil, diz o presidente da Agesolar, Rodrigo Corrêa. Mas o setor quer mudança em regras de incentivos fiscais para abranger equipamentos usados para receber os painéis. A pauta está com o governo estadual. Corrêa avisa que empresas podem se transferir para Santa Catarina onde o tributo é menor. Cresce o uso de painéis em residências e varejo. Uma novidade é fazer telhado com painéis em garagens, reduzindo tempo de retorno do gasto. 
Esta seção tem o apoio do
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Marcus silva 14/09/2017 07h22min
Apesar disto que é verdadeiro temos que baixar a cabeça e trabalhar. Muitas empresas gaúchas estão colhendo bons resultados neste segmento solar.nWEGSOLAR
Paulo Siqueira 12/09/2017 01h22min
Sou gaúcho e transferi meus negócios para Joinville . Em menos de 100 km temos cinco portos. Quatro em SC e 1 no PR. Portos modernos e nágeis. Três aeroportos. O estado cresce, não aumenta impostos . Tem o Perini Business Park e a WEG produzindo de tudo. n