Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quarta-feira, 13 de setembro de 2017. Atualizado às 10h08.

Jornal do Comércio

Economia

COMENTAR | CORRIGIR

Mercado Financeiro

Alterada em 13/09 às 10h09min

Juros futuros operam em viés de baixa apesar de inquéritos envolvendo Temer

Os juros futuros operam em baixa nesta quarta-feira (13) e, pouco antes do fechamento deste texto, renovavam as mínimas, em dia de agenda fraca e após os longos terem subido na sessão anterior. Segundo um operador de renda fixa, os inquéritos envolvendo o presidente da República, Michel Temer, não trazem "nada de novo" e mesmo uma segunda denúncia contra ele deve ter como base fatos já conhecidos.
"No final é a melhora da economia, com inflação baixa e a perspectiva de a Selic continuar caindo que ajuda no fechamento das taxas", comentou ele.
Às 9h40min, o DI para janeiro de 2019 estava em 7,60%, de 7,64% no ajuste de terça-feira. O DI para janeiro de 2020 estava em 8,36%, de 8,40% no ajuste anterior. O DI para janeiro de 2021 a 8,98%, na mínima, de 9,03% no ajuste de terça.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia