Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quinta-feira, 10 de agosto de 2017. Atualizado às 00h18.

Jornal do Comércio

Internacional

COMENTAR | CORRIGIR

França

Notícia da edição impressa de 10/08/2017. Alterada em 09/08 às 20h27min

Homem é preso após atropelar soldados em Paris

Autoridades da França prenderam ontem um homem suspeito de lançar um carro contra um grupo de soldados em Paris. Palco do ataque, Levallois-Perret é um bairro rico com mais de 65 mil habitantes e também sede da agência de inteligência doméstica francesa, a DGSI. O caso foi tratado, inicialmente, como um ato de terrorismo.
No ataque, uma pessoa ao volante de uma BMW esperou perto de um quartel local e realizou uma emboscada. O ataque ocorreu quando cerca de 10 soldados andavam rumo a seus veículos para começar sua patrulha. Três soldados foram feridos com gravidade, mas nenhum deles corre risco de vida, garantiu a ministra da Defesa, Florence Parly.
O suspeito foi detido em uma rodovia ao norte da capital francesa, após a polícia localizar e perseguir o veículo usado no ataque. Ele tentou fugir e foi baleado durante a prisão, mas sobreviveu.
 
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia