Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quinta-feira, 10 de agosto de 2017. Atualizado às 00h18.

Jornal do Comércio

Geral

COMENTAR | CORRIGIR

Lazer

Notícia da edição impressa de 10/08/2017. Alterada em 09/08 às 22h10min

Nova orla toma forma no entorno do Gasômetro

Piso já está pavimentado e novos postes de luz foram instalados

Piso já está pavimentado e novos postes de luz foram instalados


FREDY VIEIRA/JC
Isabella Sander
Ainda faltam dois meses para o prazo final de entrega do primeiro trecho das obras da orla do Guaíba, em Porto Alegre, mas quem passa pelo local percebe que as novidades já tomaram forma. A etapa 1 envolve melhorias em um percurso de 1,3 quilômetro, que vai da Usina do Gasômetro até a Rótula das Cuias. Segundo a Secretaria Municipal de Infraestrutura e Mobilidade Urbana (Smim), as execuções estão 82% finalizadas.
Em volta de um dos principais cartões postais da Capital, o Gasômetro, o piso já foi pavimentado, e novos postes de luz foram instalados. As escadarias próximas à estátua da cantora Elis Regina foram renovadas, assim como as restantes, ao longo do calçadão.
O bar Quase Meia-Noite promete ser o grande point nos fins de semana, no qual os porto-alegrenses poderão usufruir da estrutura panorâmica sobre o Guaíba para comer ou beber alguma coisa olhando para o rio. Em formato de círculo, o esqueleto do novo prédio está pronto. Ainda falta instalar o vidro ao redor da estrutura. O projeto da orla do Guaíba prevê a construção de oito bares e restaurantes.
Mesmo o paisagismo, que faz parte do acabamento, está com sinais de finalização à vista. A grama está cortada, e os canteiros com plantas e flores, delineados. O deck em frente ao Gasômetro, a ser usado por turistas e visitantes para observar o Guaíba e o pôr do sol, teve sua construção terminada. Ainda falta a pintura das duas ciclovias previstas, assim como a colocação de piso iluminado com pontos de fibra óptica embutida no concreto.
A obra está sendo executada pelo consórcio Orla Mais Alegre, formado pelas empresas Procon Construções, Sadenco e SH Estruturas Metálicas. O investimento total é de R$ 68 milhões, oriundos de financiamento pela Corporação Andina de Fomento (CAF).
A construção foi iniciada em outubro de 2015, com previsão de término em 18 meses, mas, devido à demora na liberação da verba da financiadora e a um período intenso de chuva, houve atraso no cronograma.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia