Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, sábado, 12 de agosto de 2017. Atualizado às 12h07.

Jornal do Comércio

Esportes

COMENTAR | CORRIGIR

Atletismo

Alterada em 12/08 às 12h10min

Com sétimo tempo, Brasil garante vaga na final do revezamento 4x100m feminino

Rosângela Santos, primeira à esquerda, teve atuação destacada na prova

Rosângela Santos, primeira à esquerda, teve atuação destacada na prova


JEWEL SAMAD/AFP/JC
O Brasil garantiu neste sábado (12) vaga na final do revezamento 4x100m feminino no Mundial de Londres. O quarteto formado por Franciela Krasucki, Ana Claudia Lemos, Vitória Rosa e Rosângela Santos completou a prova em 42s77, o sétimo tempo no geral.
As mais rápidas das duas baterias eliminatórias foram as norte-americanas. Mesmo sem a sua principal estrela, Tori Bowie, elas avançaram para a decisão com o tempo de 41s84, seguidos por Grã-Bretanha, Alemanha, Suíça, Jamaica e Holanda. Trinidad e Tobago fez o oitavo tempo e também se garantiu.
Rosângela foi o principal destaque na prova. Ela recebeu o bastão na quarta posição e conseguiu ultrapassar a atleta de Trinidad e Tobago para deixar o Brasil em terceiro lugar da sua bateria. A atleta, no entanto, correu o risco de ficar fora da disputa.
Durante a semana, ela queimou a largada de propósito nas eliminatórias dos 200m com o intuito de se poupar para o 4x100 metros. Rosângela alegou um desconforto muscular e correu o risco de ser excluída do Mundial. A Federação Internacional de Atletismo (IAAF, na sigla em inglês), no entanto, julgou o caso e entendeu que não houve má fé da brasileira.
"É muito bom voltar a uma final tão importante", comemorou Rosângela, que fechou a disputa. "Vamos rever a prova, podemos melhorar as passagens de bastão", completou Ana Claudia. A final do 4x100m será disputada ainda neste sábado, às 17h30min (horário de Brasília).
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia