Porto Alegre, sexta-feira, 14 de julho de 2017. Atualizado às 17h12.

Jornal do Comércio

Galeria de imagens

Lula faz pronunciamento após anúncio de condenação por Sérgio Moro

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, realizou um pronunciamento nesta quinta-feira (13) em São Paulo, por causa da condenação por corrupção passiva e lavagem de dinheiro feita pelo juiz Sergio Moro. Lula fez questão de se colocar no cenário político em 2018 e disse que vai pedir ao PT para ser o candidato do partido à Presidência. Tentando reduzir o impacto da sentença, Lula disse que não se surpreendeu com a condenação e que somente o povo "tem o direito de decretar o meu fim". No pronunciamento, o petista mostrou-se pouco otimista em uma reversão da sua condenação em segunda instância. Ao falar de uma candidatura ao Planalto, o petista dirigiu-se a seu advogado e disse que este terá muito trabalho porque seu cliente será "um pré-candidato com um problema jurídico nas costas?. O ex-presidente Lula foi condenado a nove anos e meio de prisão pelo juiz Sergio Moro. Por enquanto, mantém seus direitos políticos e pode ser candidato à presidência em 2018
 

FOTO ROVENA ROSA/ABR/JC