Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, terça-feira, 11 de julho de 2017. Atualizado às 18h43.

Jornal do Comércio

Economia

COMENTAR | CORRIGIR

Mercado Financeiro

Alterada em 12/07 às 11h00min

Bovespa abre em firme alta após reforma trabalhista e com ajuda do exterior

A Bovespa abriu em firme alta nesta quarta-feira (12), reagindo à aprovação com folga da reforma trabalhista na véspera no plenário do Senado e diante do clima positivo nos mercados acionários internacionais. Dando sequência ao avanço de 2,42% do índice à vista nos dois últimos pregões, o Ibovespa subia 0,73% às 10h30min, aos 64.860 pontos.
No exterior, as bolsas da Europa e os futuros dos índices acionários de Nova Iorque aceleraram os ganhos há pouco, na esteira da divulgação íntegra do discurso que a presidente do Federal Reserve, Janet Yellen, fará na Câmara no fim da manhã. Yellen indicou que os Fed funds não devem subir muito mais para alcançar a taxa neutra, em uma sinalização de que os juros não devem ser elevados a um nível muito alto - o que é favorável para ativos de risco.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia