Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, domingo, 16 de julho de 2017. Atualizado às 19h27.

Jornal do Comércio

Colunas

COMENTAR | CORRIGIR
José A. V. da Cunha

Intervalo

Notícia da edição impressa de 17/07/2017. Alterada em 14/07 às 19h01min

Hora de revero que se faz...

Eliana Azeredo, Itamar Graven e João Firme, três dos principais executivos que há anos produzem e coordenam o Festival Mundial de Publicidade de Gramado, convergem em um ponto: o festival deve mudar radicalmente sua forma de ser e de fazer, revendo formatos e conceitos. Realizar a edição deste ano foi um desafio e tanto, com poucos patrocinadores, custos altos e público reduzido. Sem recursos, os cerca de 5 mil estudantes de todo o País que acorriam ao evento se transformaram neste ano em menos de 2,5 mil.

... e se adequar aos novos tempos

Panorâmica do evento

Panorâmica do evento


COLETIVA/DIVULGAÇÃO/JC
Eventos gigantescos parecem hoje anacrônicos. Por isso os empresários que investiram em pavilhões terão que repensar o que fazer com os espaços ociosos, vaticina Firme, acrescentando que a hotelaria tem que rever suas políticas para captar eventos segmentados que atendam a suas expectativas. "Hoje, os pequenos eventos estão indo para associações ou espaços públicos, onde se consegue cortesia na locação, enquanto os hotéis cobram taxas astronômicas", ele diz. E vê em Santa Catarina um modelo vitorioso, com os empresários se unindo a políticos para divulgar os produtos e o turismo catarinense.
 

Sem ser predatório

A Associação Brasileira dos Agentes Digitais (Abradi) está defendendo a edição de um código de boas práticas para contratar influenciadores digitais, visando à profissionalização dos comunicadores no segmento. Um documento elaborado por 45 profissionais de Publicidade e RRPP traz como recomendações evitar ações publicitárias camufladas e explicitar as relações comerciais entre marcas e influenciadores. Prega ser necessário transparência para que todas as partes envolvidas possam ser beneficiadas, e considera que a iniciativa é essencial para o desenvolvimento do mercado digital por meio de práticas positivas e não predatórias.

Novo jeito de fazer

Uma pensata publicada na Meio&Mensagem destaca com exemplos que as agências se deram conta de que precisam começar a mudar de verdade se quiserem garantir sua sobrevivência, mesmo que com outro modelo de negócio. Um movimento é da Africa, que criou a operação Pulse, de intelligence insights baseada em dados; outro foi da Ogilvy montando uma área cognitiva, baseada no Watson, do seu cliente IBM, e criando um departamento digital que vai tentar unir a agência de ponta a ponta; e uma terceira iniciativa é da F/Nazca, que absorveu a consultoria COR. Com isso, as agências buscam manter relevância nas áreas de comunicação e marketing.

Precisamos conversar

A nova edição do Coletiva Debates - Precisamos conversar, encabeçada por Coletiva.net, levou ao Tencopuc profissionais, professores e universitários de Comunicação para discutir o tema "Expectativa x Realidade: como a academia prepara e como o mercado recebe os estudantes". As debatedoras, que representavam os agentes deste cenário, concordaram: há muito a ser feito, e mais ainda a ser dialogado, para que a famosa relação ganha-ganha seja atingida no que tange à entrada de novos profissionais no mercado. Um dos pontos altos do evento ficou por conta da conclusão de que todos precisam praticar a autorreflexão e assumir as suas responsabilidades. Participaram do encontro Andressa Giongo, gerente executiva de Gestão de Pessoas do Grupo RBS; Manoela de Oliveira, professora da Escola de Humanidades da Pucrs; e Shállon Teobaldo, estudante do 8º semestre da Uniritter.

Agências


COLETIVA/DIVULGAÇÃO/JC
e21 conquistou a conta de comunicação on e off do Grupo Digicon, que atua no ramo da automação bancária, comercial e de sistemas de transporte. Tem planta em Gravataí e na Índia e filial administrativa em Barueri (SP).
Bistrô assina a campanha "Caixa descontrolada" para o Shopping Canoas. Ação contou com a presença de um grupo de artistas que interage com o público.
Escala e Smile Flame são as responsáveis pela criação do circuito de ações do Conecta 2017, encontro promovido pela Unisinos e direcionado a alunos do Ensino Médio.
JWT, através de sua equipe de Porto Alegre, responde pela ação de reposicionamento da Olympikus e pelo lançamento do conceito da marca esportiva brasileira. A campanha "O esporte é pra você" foca o esportista do dia a dia, que pratica esporte por prazer e diversão.

Gente


COMPETENCE/DIVULGAÇÃO/JC
Os publicitários Jacques Fernandes, Pedro Henrique Martin e Beto Lopes são as novas contratações para a Criação da Competence, para atuar com o diretor Marcelo Pires. Jacques tem 15 anos de experiência e cursos de especialização na Creative Leadership, pela Berlin School of Creative Leadership/ESPM, e Aceleração Digital, pela Hyper Island. Pedro trabalha com direção de Arte desde 2009 e, nos últimos três anos, atuava na Matriz. E Beto traz 10 anos de experiência com trabalhos desenvolvidos em agências como e21, Dez, Centro e Brivia.

Tá ligado

Estão abertas as inscrições ao programa de consultoria para influenciadores digitais oferecido pelos jornalistas Almir Freitas, da Uffizi Comunicação, e Andressa Griffante, do RSBloggers. A iniciativa objetiva oferecer profissionalização para criadores de conteúdo nos meios digitais. Os interessados em participar do Influencer Training Program podem realizar inscrição pelo site rsbloggers.com.br até o dia 30.
 

By the way...

... parece frase de almanaque, mas vale a reflexão: Um leitor vive mil vidas antes de morrer, enquanto o homem que nunca lê só vive uma.
 

Perfil


COLETIVA/DIVULGAÇÃO/JC
O perfil publicado nesta semana por Coletiva.net é da jornalista Beatriz Fagundes.
 
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia