Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, sexta-feira, 19 de maio de 2017. Atualizado às 12h38.

Jornal do Comércio

Política

COMENTAR | CORRIGIR

operação lava jato

Notícia da edição impressa de 19/05/2017. Alterada em 18/05 às 21h27min

Movimentos marcam atos para o próximo domingo em todo o País

O movimento Vem Pra Rua se mobiliza pela internet para uma manifestação em todo o País no próximo domingo, pedindo a prisão do presidente Michel Temer (PMDB). Uma lista de pelo menos 14 cidades já foi divulgada, com locais e horários para os protestos.
Em São Paulo, as manifestações estão marcadas para as 14h, na Avenida Paulista. No Rio de Janeiro, a partir das 10h, no Posto 5, em Copacabana. Em Brasília, o horário previsto é 10h, em frente ao Congresso Nacional.
O Vem Pra Rua foi um dos movimentos mais atuantes nas manifestações que pediam o impeachment da ex-presidente Dilma Rousseff (PT). Agora, pede a prisão de todos. "Prendam Todos! Temer, Dilma, Lula e Aécio", declara a organização. O Movimento Brasil Livre (MBL), que também cresceu na onda do impeachment, pede agora a renúncia de Temer. É a primeira vez em que o MBL se posiciona dessa maneira contra o peemedebista.
Quando os movimentos atuaram para organizar as manifestações de 26 de março, em defesa da Lava Jato e contra a corrupção e a impunidade, Rogerio Chequer, fundador e líder do Vem Pra Rua, fez questão de deixar claro que o objetivo não era atingir Temer. "As manifestações não serão para detonar o governo Temer, mas contra a corrupção, a impunidade e em defesa da renovação da política velha", afirmou, naquela ocasião.
Chequer divulgou novo vídeo para as manifestações do próximo domingo. "Estamos indo às ruas para pedir a prisão de todos os corruptos, não importa o partido, não importa o Estado, não importa a origem. Se cometeu crime, tem que ir para a prisão."
 
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Jose Flavio Martins da Silva 19/05/2017 10h31min
Iremos prá rua espero que os verde e amarelos também vá não só pedir o afastamento de cargos publico de envolvidos em corrupção como a prisão e pricipalmente o confisco de todos os bens destes envolvidos.