Porto Alegre, quinta-feira, 18 de maio de 2017. Atualizado às 16h31.

Jornal do Comércio

Galeria de imagens

Após denúncia envolvendo Temer, manifestantes saem às ruas em Brasília

Diversos protestos foram registrados no País na noite desta quarta-feira (17), logo depois da notícia de que o presidente Michel Temer (PMDB-SP) havia sido gravado por Joesley Batista, um dos sócios do frigorífico JBS, dando aval à compra do silêncio do ex-deputado Eduardo Cunha (PMDB). Em Brasília (foto), um grupo de manifestantes pediu a saída do peemedebista do cargo e a realização de uma eleição direta. Com cartazes e bandeiras, o protesto foi acompanhado pelo som de buzinas de motoristas que passaram em frente à sede administrativa do governo federal. Manifestantes na Avenida Paulista, em São Paulo, também pediram saída de Michel Temer da Presidência. Em pronunciamento realizado na tarde desta quinta, Temer afirmou que não vai renunciar
 

FOTO EVARISTO SA/AFP/JC
18/05/2017 - 16h30min