Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quarta-feira, 17 de maio de 2017. Atualizado às 11h18.

Jornal do Comércio

Economia

COMENTAR | CORRIGIR

indústria automotiva

Alterada em 17/05 às 11h20min

Ford vai cortar 10% de funcionários administrativos na América do Norte e Ásia

Iniciativas similares já foram concluídas ou estão em andamento em outras regiões globais da Ford

Iniciativas similares já foram concluídas ou estão em andamento em outras regiões globais da Ford


BILL PUGLIANO/AFP/JC
A Ford anunciou hoje que pretende cortar 10% de seus funcionários administrativos na América do Norte e Ásia, numa estratégia que tem o objetivo de impulsionar o lucro em meio ao arrefecimento das vendas nos mercados dos EUA e China.
A montadora americana vai oferecer pacotes de aposentadoria antecipada ou de indenização a cerca de 1,4 mil funcionários e a expectativas é que os cortes sejam feitos até setembro.
Iniciativas similares já foram concluídas ou estão em andamento em outras regiões globais da Ford, incluindo Europa e América do Sul.
A última medida faz parte de um plano da Ford de reduzir seus custos em US$ 3 bilhões em 2017.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia