Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, segunda-feira, 15 de maio de 2017. Atualizado às 20h56.

Jornal do Comércio

Economia

COMENTAR | CORRIGIR

Varejo

Alterada em 15/05 às 21h00min

CDL POA e Sindilojas estimam queda de 1% nas vendas do Dia das Mães em Porto Alegre

Vendas do Dia das Mães recuaram este ano em relação a 2016

Vendas do Dia das Mães recuaram este ano em relação a 2016


FREDY VIEIRA/JC
Foi um Dia das Mães magro para os varejistas de Porto Alegre. A CDL POA e o Sindilojas Porto Alegre divulgaram nesta segunda-feira (15) um levantamento que aponta uma queda de 1% nas vendas na data, em comparação com o mesmo período do ano passado. As entidades projetavam um crescimento nominal de 8%.
"Se o clima estivesse mais frio e o quadro geral na política estivesse um pouco melhor definido, provavelmente, as compras teriam sido melhores nesta, que é considerada a segunda data comemorativa mais importante para o varejo", falou em nota Alcides Debus, presidente da CDL POA. A chuva que caiu no sábado na Capital também prejudicou as vendas de última hora.
No domingo, outra entidade de classe, a Associação Gaúcha para o Desenvolvimento do Varejo (AGV), também estimou que a meta de crescimento de 6% nas vendas para a data não seria alcançada pelos varejistas gaúchos.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia