Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quinta-feira, 18 de maio de 2017. Atualizado às 22h28.

Jornal do Comércio

Colunas

COMENTAR | CORRIGIR
Carlos Pires de Miranda

Gastronomia

chefs e chefs

Notícia da edição impressa de 19/05/2017. Alterada em 18/05 às 16h27min

O Sans Souci vai a sua casa

 Aline Bonnamain, herdeira da tradição do Sans Souci

Aline Bonnamain, herdeira da tradição do Sans Souci


MESA PRODUTORA/DIVULGAÇÃO/JC
Esse sorriso simpático que se vê na foto é de Aline Bonnamain, herdeira da tradição do Sans Souci. Para quem não conheceu, era um restaurante que fez sucesso, na zona Sul de Porto Alegre, até o final dos anos 1980. Na minha memória, celebrizou-se por servir o que talvez fosse o único vatapá da cidade. Não, ninguém era baiano lá: paradoxalmente, o casal proprietário era composto pela russa Josepha Soskar e pelo francês Ferdinand Bonnaiman, o que lhes dava invejável amplitude na criação de menus.
Onde Aline entra na história? Ora, eles eram seus avós paternos, trataram de repassar aos descendentes os conhecimentos adquiridos e ela era a mais interessada na matéria. A boa notícia é que a atilada equipe da Mesa Produtora organizou uma forma de bem explorar o talento da chef, que passa a atender pessoalmente a eventos em residências, salões, ou empresas - ela vai lá e prepara o menu combinado.
Outra possibilidade é simplesmente encomendar porções, com cerca de 500 gramas (R$ 55,00). Em maio, estão disponíveis um autêntico cassoulet, o famoso vatapá com farofa de dendê, camarões secos e amendoim, além de sobremesa (esta, R$ 25,00).
Eis os caminhos para levar o Sans Souci a sua casa ou a seu evento: mesaprodutora@gmail.com, ou 51 98029-1235.

Cupcake de bacalhau com vinagrete

GASTRO HOMEM NA COZINHA Cupcake de bacalhau com vinagrete Foto Botequim Carioca
Cupcake de bacalhau com vinagrete
BOTEQUIM CARIOCA/DIVULGAÇÃO/JC
Ingredientes
(12 porções)
  • 1 kg de bacalhau dessalgado, em lascas;
  • 2 cebolas;
  • 2 dentes de alho;
  • sal e pimenta;
  • 2 copos de água;
  • 1 copo de leite;
  • 1 colher de margarina;
  • 1 cubo de caldo de legumes;
  • 3 xícaras de farinha de trigo;
  • 1 pimentão vermelho;
  • 1 pimentão amarelo;
  • 1 pimentão verde;
  • 1 cebola roxa;
  • vinagre e azeite;
  • 1 maço de salsa;
  • 12 copinhos descartáveis.
Modo de preparo
1- Em uma panela, refogar duas cebolas, alho e bacalhau desfiado. Temperar com sal, pimenta e reservar.
2- Colocar água, leite, caldo de legumes e margarina em uma panela. Misturar até ferver. Reduzir o fogo e acrescentar farinha de uma só vez. Mexer até a massa ficar bem lisa. Reservar.
3- Misturar os dois ingredientes reservados, até formarem uma massa homogênea. Quando esfriar, distribuir nos copos descartáveis, fazendo um buraco no centro, com o dedo indicador. Manter no freezer até congelar.
4- Cortar pimentões e cebola roxa em cubinhos, temperar com sal, pimenta, vinagre e azeite.
5- Desenformar os cupcakes congelados e fritar em óleo quente. Enxugar com papel absorvente, rechear com o vinagrete e salpicar salsinha.

adega

PAN GASTRO ADEGA - Dal Pizzol Day Festival - Ecomuseu da Cultura do Vinho Restaurante - FOTO 2 - DIV Dal Pizzol

DAL PIZZOL/DIVULGAÇÃO/JC
Dia do Vinho 2017 terá mais de 200 atrações à disposição do público (foto), no período de 19 de maio a 4 de junho. O evento é realizado simultaneamente em dezenas de municípios de três regiões produtoras - Sul, Sudeste e Nordeste. Programação completa e informações em www.diadovinho.com.br.
Da Peterlongo guardo boas lembranças: tinha um champagne (sim, a vinícola tem direito de usar a denominação), com rótulo verde e preço atraente, na medida do bolso de jovens universitários, então... Creio que saiu de linha há horas. Da memória, não.
Pois a Peterlongo lançou uma nova linha de varietais que se chama Armando Memória. O Cabernet Sauvignon, com uvas da serra gaúcha, Merlot e Tannat - ambos de vinhedos de Encruzilhada do Sul - mostram o trabalho do francês Pascal Marty, winemaker da vinícola. Todos da safra 2015, com foco de vendas em delicatessens e lojas especializadas.
Dal Pizzol Day Festival acontece neste sábado, das 11h às 19h, no Ecomuseu da Cultura do Vinho. Além de espumantes e vinhos tranquilos, opções de lanches, música ao vivo e exposição de carros antigos. Ingressos
(R$ 15,00) no local (foto), com direito a uma taça e ao primeiro brinde.
Outro dia a Sommelier organizou uma seleção de bons rótulos, todos com preços especiais, em garrafas de 187ml ou 375ml, medidas certas para muita gente. Ideia que merece repetição. Rua Passo da Pátria, 166, tel. 3330-8217.
A cada 15 minutos um elefante morre e daqui a 20 anos eles poderão não existir mais. Com esse alerta, o licor sul-africano Amarula apresenta sua nova garrafa, chamada Jabulani (foto) e se compromete com doações, de junho a agosto, ao Santuário dos Elefantes, no Mato Grosso.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia