Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, segunda-feira, 15 de maio de 2017. Atualizado às 21h56.

Jornal do Comércio

Jornal da Lei

COMENTAR | CORRIGIR
Notícia da edição impressa de 16/05/2017. Alterada em 15/05 às 18h29min

Publicidade irregular I: combate

A inovação e a busca de novas medidas para o combate à publicidade irregular são um dos norteadores da gestão da Ordem gaúcha. Em decorrência do Plano de Valorização da Advocacia, em que está contemplado a intensificação do combate a profissionais que infringem as diretrizes do Código de Ética e Advocacia da OAB, foram lançados um conjunto de ações para a conscientização e punição das irregularidades.
A entidade já entrou com 50 ações judiciais para coibir publicidade irregular e o exercício ilegal da profissão, iniciativa que é inédita na seccional. A Comissão de Fiscalização do Exercício Profissional (CFEP) é mais um braço da OAB/RS que cuida especificamente deste assunto e criou um espaço em que os advogados podem fazer denúncias.
CONTINUE LENDO ESTA NOTÍCIA EM NOSSA EDIÇÃO PARA FOLHEAR
CLIQUE AQUI PARA ACESSAR
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia