Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quarta-feira, 19 de abril de 2017. Atualizado às 15h52.

Jornal do Comércio

Esportes

COMENTAR | CORRIGIR

Copa do Brasil

Notícia da edição impressa de 19/04/2017. Alterada em 18/04 às 21h40min

Inter não terá D'Ale contra o Timão

Chileno Felipe Gutiérrez fará sua estreia como titular na Arena Itaquera

Chileno Felipe Gutiérrez fará sua estreia como titular na Arena Itaquera


RICARDO DUARTE/RICARDO DUARTE/INTER/JC
Não bastasse o desafio de enfrentar o Corinthians na Arena Itaquera, o Inter terá duas grandes ausências no jogo de hoje, às 21h45min, pela rodada de volta da quarta fase da Copa do Brasil. O técnico Antônio Carlos Zago não poderá contar com o meia D'Alessandro e com o volante Edenilson.
O argentino sofreu uma pancada no tornozelo esquerdo na vitória por 1 a 0 sobre o Caxias, pelo Gauchão, e nem participou do treino de ontem, último antes da partida em São Paulo. Por sua vez, Edenilson, que já havia desfalcado o Colorado no sábado, não se recuperou, e também ficou de fora dos relacionados. Ele ainda participou da primeira parte do treinamento, mas não suportou os testes físicos.
CONTINUE LENDO ESTA NOTÍCIA EM NOSSA EDIÇÃO PARA FOLHEAR
CLIQUE AQUI PARA ACESSAR
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Dorian R. Bueno 19/04/2017 15h05min
A INSTITUIÇÃO INTERNACIONAL PRECISA ACABAR COM ESTA SÍNDROME !!!nChega desta síndrome do medo toda vez que vamos enfrentar o Corinthians tanto aqui como lá em São Paulo. A nossa CAMISA é tão forte quanto às deles, mas depende dos jogadores para a querida BOLA ser bem tratada. Já pararam para pensar que mesmo sendo outro presidente, outro treinador, outros jogadores o Internacional continua demonstrando que não é capaz de atropelar estes Corinthianos. São onze x onze e sangue nos olhos até o final do jogo, quem garante que os paulistas não entrarão de salto 18? Vamos fazer o jogo deles com paciência, sem afobação e aproveitando cirurgicamente as oportunidades que surgirem. Tomara que Brenner possa ter a calma e paciência do Cristiano Ronaldo dentro da pequena área. Que o Willian possa ser um pouquinho menos afoito, e possa se espelhar no craque Marcelo do Real Madrid. Agora, mesmo que não tenhamos alguns jogadores que poderiam causar medo no adversário, que sejam escalados outros com mais vontade e joguem a melhor partida das suas vidas. Eles precisam fazer a diferença e colocar na mente que também possuem igual condição para ganhar este jogo e bem. Algum clube brasileiro, e que seja o COLORADO, precisa imitar esta mania deles de jogar e sair vencedor. Lá vêm eles bem fechadinhos, compactados, tratando bem a bola, valorizando sempre o passe certo para algum jogador em melhor condição de seguir com a jogada, saindo rápido no contra ataque, GOL. Este é o jogo para LAVAR A nALMA COLORADA de ORGULHO. Abs. Dorian Bueno - POA - 18.04.2017nn