Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quarta-feira, 19 de abril de 2017. Atualizado às 20h49.

Jornal do Comércio

Economia

COMENTAR | CORRIGIR

balanços

Alterada em 19/04 às 20h49min

American Express tem lucro líquido de US$ 1,2 bilhão no 1º trimestre

A American Express reportou hoje uma queda de 13% no lucro líquido do primeiro trimestre, para US$ 1,2 bilhão ante US$ 1,4 bilhão no mesmo período do ano passado. Os resultados do primeiro trimestre de 2016 incluíam algumas parcerias de cobranding anteriormente descontinuadas, como a com a Costco.
Os ganhos diluídos por ação foram de US$ 1,34 no primeiro trimestre deste ano, em queda de 8% ante o lucro de US$ 1,45 no ano passado. Analistas esperam, em média, um ganho de US$ 1,28 por ação.
De acordo com um relatório da empresa divulgado há pouco, a receita líquida consolidada do período de janeiro a março deste ano ficou em US$ 7,9 bilhões - uma queda de 2% ante os US$ 8,1 bilhões verificados no mesmo período de 2016.
O relatório explica que, "excluindo os negócios relacionados à parceria com a Costco no ano passado e o impacto das taxas de câmbio internacionais", a receita líquida subiu 7%.
As despesas totais saltaram 10%, para US$ 1,6 bilhão, principalmente por causa de maiores despesas com prêmios a clientes de cartão de crédito. Às 17h48 do horário de Brasília, as ações da American Express avançavam 2,25% no after hours em Nova Iorque.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia