Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, terça-feira, 18 de abril de 2017. Atualizado às 19h46.

Jornal do Comércio

Economia

COMENTAR | CORRIGIR

balanços

Alterada em 18/04 às 19h47min

Vendas líquidas da Tenda crescem 27,2% no 1º trimestre

A Tenda informou, por meio de comunicado, que as vendas líquidas no primeiro trimestre de 2017 cresceram 27,2% em relação ao mesmo período do ano passado, atingindo R$ 338,9 milhões. O volume de lançamentos foi 32,2% maior, chegando a um Volume Geral de Vendas (VGV) de R$ 302,1 milhões.
Os distratos, no entanto, também dispararam. De acordo com o comunicado, o volume chegou a R$ 85,8 milhões, o que significa um crescimento de 85,5% em relação aos R$ 46,2 milhões registrados nos primeiros três meses do ano passado. A empresa informou que, "conforme divulgado desde o terceiro trimestre de 2016, o aumento temporário do volume de cancelamentos é efeito da revisão do processo de distratos unilaterais executados pela Tenda, para vendas não repassadas por um período superior a três meses".
"Esperamos retornar ao patamar estável de operação dentro do segundo semestre deste ano", diz o comunicado.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia