Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, segunda-feira, 17 de abril de 2017. Atualizado às 22h05.

Jornal do Comércio

Jornal da Lei

COMENTAR | CORRIGIR

direitos humanos

Notícia da edição impressa de 18/04/2017. Alterada em 17/04 às 20h10min

Exposição aborda gênero e sexualidade

O público já pode conferir a exposição itinerante "A homossexualidade e as demandas envolvendo a transexualidade". A mostra traz processos e casos históricos tanto na Justiça gaúcha como na federal, envolvendo a busca de direitos por parte da população homossexual e transexual. A finalidade é estimular o debate das questões de gênero e de identidade. A exposição ficará aberta ao público até dia 10 de maio, entre as 9h e 18h, de segunda a sexta-feira, na Galeria dos Casamentos do Palácio da Justiça, situado na Praça da Matriz, em Porto Alegre.
A mostra é a segunda de um total de cinco que estão ocorrendo entre 2016 e 2018, como parte do projeto Direitos Humanos: uma questão de Justiça, promovido pelo Memorial da Justiça Federal do Rio Grande do Sul, e do qual o Tribunal de Justiça do Estado, por meio do Memorial do Judiciário gaúcho, é um dos participantes.
CONTINUE LENDO ESTA NOTÍCIA EM NOSSA EDIÇÃO PARA FOLHEAR
CLIQUE AQUI PARA ACESSAR
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia