Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, segunda-feira, 20 de março de 2017. Atualizado às 19h04.

Jornal do Comércio

Internacional

COMENTAR | CORRIGIR

relações internacionais

Alterada em 20/03 às 19h06min

Governo Trump divulga detalhes sobre plano de muro na fronteira com México

O governo do presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, forneceu mais detalhes sobre seu pedido de US$ 3 bilhões para gastos com restrições à imigração neste ano, ao dizer ao Congresso nesta segunda-feira que o novo montante pagará algum reforço em barreiras na fronteira e também uma combinação de dique e muro na área do Vale do Rio Grande.
Segundo a proposta, custará entre US$ 18 milhões e US$ 24 milhões cada milha (1,6 quilômetro) de barreiras adicionais ao longo da fronteira com o México. Com isso, a barreira em toda a fronteira custaria bilhões de dólares.
Anteriormente, uma estimativa do Departamento de Segurança Interna colocou o custo de erguer a barreira adicional na fronteira em cerca de US$ 21 bilhões.
Na semana passada, o governo pediu ao Congresso US$ 3 bilhões em financiamento para a imigração para o ano fiscal de 2017, incluindo US$ 1,5 bilhão para medidas adicionais de segurança na fronteira. Isso inclui o começo do trabalho para cumprir a promessa de Trump de construir a fronteira no sul do país.
Trump afirma que o México pagará pelo muro, talvez com um reembolso posterior. No Congresso, porém, poucos veem esse cenário como realista.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia