Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, domingo, 19 de março de 2017. Atualizado às 23h02.

Jornal do Comércio

Internacional

COMENTAR | CORRIGIR

Equador

Notícia da edição impressa de 20/03/2017. Alterada em 19/03 às 22h37min

Pesquisa mostra empate técnico

A duas semanas do segundo turno da eleição presidencial no Equador - em 2 de abril-, uma pesquisa divulgada sábado pelo instituto Cedatos mostra queda de dois pontos do candidato oposicionista, Guillermo Lasso, e um aumento na intenção de voto no governista, Lenín Moreno.
Os números agora apontam para um empate técnico, no qual Lasso lidera com ligeira vantagem, 50,8% contra 49,2%, de Moreno. O candidato da Aliança País, partido do presidente Rafael Correa, havia ganho o primeiro turno, no último dia 19 de fevereiro, com 39,3% contra 28% de Lasso.
CONTINUE LENDO ESTA NOTÍCIA EM NOSSA EDIÇÃO PARA FOLHEAR
CLIQUE AQUI PARA ACESSAR
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia