Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quarta-feira, 01 de março de 2017. Atualizado às 00h08.

Jornal do Comércio

Vídeos JC

COMENTAR

Entrevista especial


Pesquisadora diz que política de segurança virou colcha de retalhos

Publicado em 01/03/2017 - 00h08min.

A pesquisadora Márcia Calazans, doutora em Sociologia pela Ufrgs, vê como equivocada a proposta de privatizar presídios, que seria uma forma de o Estado se eximir da sua responsabilidade e até de legitimar as facções e avisa: "A política de segurança nasceu como plano nacional de direitos humanos e hoje é colcha de retalhos." Em entrevista especial ao Jornal do Comércio, Márcia diz que o formato atual é intervencionista e racista e alerta para o maior encarceramento nos últimos anos.
Esta seção tem o apoio do
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia