Porto Alegre, segunda-feira, 27 de março de 2017. Atualizado às 15h56.

Jornal do Comércio

Galeria de imagens

Torneio na Arena une refugiados em Porto Alegre

Parte das comemorações do aniversário de 245 anos de Porto Alegre ocorreu neste domingo (26), na primeira edição da Copa dos Refugiados no Rio Grande do Sul. O torneio teve como palco a Arena do Grêmio e contou com 110 atletas, que representaram países como Senegal, Angola, Haiti, Venezuela, Colômbia e Peru. A pequena torcida deu um clima muito animado às partidas. Familiares e amigos dos atletas refugiados cantaram e dançaram durante a disputa, na contramão da intolerância que muitos países ainda vivem. O idealizador do evento, o refugiado congolês Jean Katumba, fundador da ONG África do Coração, estava visivelmente emocionado. "Estou me sentindo muito feliz, fazer a Copa num estádio como o do Grêmio é uma visibilidade enorme para nós. Somos todos iguais, ninguém aqui escolheu ser refugiado. Nós todos quase perdemos a vida, e aqui no Brasil pudemos renovar ela", afirmou. Katumba acredita que o evento vai ajudar as pessoas a compreenderem melhor os refugiados.
 

FOTO CLAITON DORNELLES/JC
27/03/2017 - 14h41min